Falando Sério - Edição 640

 

A vida é bonita 

“Viver e não ter a vergonha de ser feliz. Cantar e cantar a beleza de ser um eterno aprendiz. Eu sei que a vida podia ser bem melhor e será, mas isto não impede que eu repita: é bonita, é bonita e é bonita.” Infelizmente, não me recordo dos “filósofos” compositores dessa música.

Vamos nos perguntar por qual razão devemos ter vergonha de sermos felizes, embora saibamos que não existe felicidade constante a eterna. Mas, por que não colaborarmos com a vida, tentando transformar tristezas em aprendizado, para entendermos com sabedoria o mundo ao nosso redor? Todos nós passamos por momentos difíceis, de desencontro com o que desejávamos que a vida nos oferecesse.

Por que deixamos de escrever a história das nossas vidas? Por que não contamos aos filhos e netos a nossa história, nossos reveses, nossos momentos que nem sempre foram felizes? Vamos prepará-los para o futuro, ensiná-los a enfrentar as dificuldades que virão, num vai e vem diário de contrariedades?

Temos que mostrar aos nossos descendentes que “a ignorância é a mãe de todos os vícios”; a ignorância que permite que indivíduos medíocres, incompetentes e corruptos venham a administrar os municípios, estados e governo federal. Sem instrução, o povo elege qualquer um que quer apenas enriquecer roubando os cofres públicos. 

A falta de educação destrói a sociedade e a convivência humana. O filósofo já dizia: “O homem racional e civilizado é o primeiro entre os animais ou é o último, quando vive sem lei e sem justiça”. Se temos filhos, vamos educá-los a saber viver, respeitando as leis, os costumes, o direito dos outros e exigindo dos outros o respeito aos nossos direitos. 
Todas as vezes que saio do apartamento para fazer compras ou apenas andar um pouco, observo tantas coisas erradas, produto da falta de educação do povo, da incompetência administrativa e do pouco caso dos políticos. Somos, hoje, uma das cidades mais sujas do estado, é só chegarmos na praça central e vermos a sujeira contida no local onde os idosos jogam dominó e baralho. Pura falta de educação! 

Não fica por aí essa vergonha. As bocas de lobo estão entupidas pela sujeira; as calçadas, quebradas ou malfeitas. Tudo isso sem contarmos a falta de educação dos motoristas, motoqueiros e ciclistas! Tudo isso e mais os drogados e pedintes pelas ruas. Os políticos não veem porque não põem os pés nas ruas. Apenas nas festas.

Mas, vamos esquecer os descalabros por momentos e lembrar, sempre, do azul do céu, da lua, das estrelas, das florestas, das flores, do mar, do amor, das crianças, das pessoas boas e da beleza da vida, que “é bonita, é bonita e é bonita”.



Publicado em 24/05/2018 - por Juarez Nahas

btn_google.png btn_twitter.png btn_facebook.png








Autor deste artigo


Mais vistos

Publicidade

  • Banner-310x260.gif