TransformAção - Edição 710

Mudando de dentro para fora

Como já contei para vocês na semana passada, o Projeto TransformAção teve os trabalhos iniciados há três semanas, mas tivemos a apresentação através do vídeo veiculado nas redes sociais há alguns dias. No vídeo, em conversa com o jornalista Alexandre Bonfim, o Orildo (Cabeção) conta como está vendo o projeto e como o acúmulo de peso impactou em sua vida.
Orildo conta que se arrepende de ter passado muito tempo sem se preocupar com a saúde e com o excesso de peso e isso impactou diretamente na sua autoestima. Quem lhe conhece de perto sabe da situação delicada que passava, com dificuldades para caminhar, muitas dores nas pernas e um cansaço extremo, dificultando até sua respiração.
Ele conta que está se sentindo muito feliz e grato por termos lhe escolhido para passar por essa transformação. Diz que o projeto está trazendo muitas felicidades para sua vida e que está impactado com tantas pessoas o apoiando, o incentivando e o elogiando. 
Em conversa no vídeo que gravamos, disse que estar nas mãos dessa maravilhosa equipe já o fez mudar muito, que está bem diferente do que era antes e que diminuiu o comportamento espalhafatoso que tinha. A questão econômica foi outra área impactada. Ele me contou que conseguiu economizar muito dinheiro. Primeiro com o Uber, pois aderiu mais às caminhadas e segundo com a eliminação de refrigerante da sua vida - chegava a beber até nove latinhas por dia.

Mudanças no prato
Esta semana foi a segunda consulta do Cabeção com a nutricionista Luciana Castanha. A seguir ela conta como está sendo a evolução do Orildo: “a segunda consulta, após 20 dias, foi bastante positiva, pois o Orildo já perdeu 8,8 kg nesse início de processo. Ele está cada vez mais entusiasmado com o projeto TransformAção, o que reflete na sua qualidade de vida: menos dores nas pernas, menos ofegante, sem dor de cabeça e outras conquistas que melhoram seu bem-estar geral. Com base no recordatório alimentar, estabeleci algumas metas para o Orildo até a próxima consulta, como diminuir a ingestão de pães ou salgados refinados e dar preferência aos integrais, em especial os com aveia (excelente por conter fibras que ajudam na perda de peso); segunda meta é reduzir ainda mais o tamanho das porções. O estômago é flexível e deve entender que menos é mais e com a mastigação lenta deverá se sentir cada vez mais saciado com a quantidade certa de comida. Terceira meta: o consumo de frutas ainda está abaixo do recomendado, então esta é mais uma meta que incluí para o Orildo. Fruta é diferente de suco, já que ao ingerir uma laranja, por exemplo, as fibras auxiliam no processo de emagrecimento. Quarta meta: diminuir ainda mais bebida alcoólica, produtos industrializados e frituras. E aumentar o consumo de água. O Orildo estava com a ideia de que pulando refeições iria ajudar a emagrecer, mas é exatamente o contrário. O corpo entende que precisa se proteger e acumula ainda mais gordura, atrapalhando todo o processo de emagrecimento. Nesse caso, estipulamos lanches rápidos como o mix de oleaginosas e frutas secas, uma dica prática que os leitores também podem aderir. Em função da sua rotina de trabalho, ainda não fez o exame de sangue. E aqui deixo meu alerta, assim como fiz com o Orildo: sua saúde vem sempre em primeiro lugar. Por isso, organize seu dia, planeje sua semana para que consiga se cuidar mais. O acompanhamento nutricional é essencial, não só na obesidade, mas também como no tratamento e prevenção de várias doenças, como o diabetes, hipertensão arterial, colesterol alto, câncer ou até mesmo uma simples dor de cabeça. Faça um check-up geral, dedique mais tempo à sua saúde, faça exames periódicos, pelo menos anualmente”.
Agora que você já está por dentro de como foi a semana do Orildo com a nutri, quero te convidar, mais uma vez, a estar participando desse projeto conosco. Envie mensagens de incentivo ao Orildo e não esqueça de marcar a hashtag #VaiOrildo nas publicações.

 


Grazielle Prates - coach
O Orildo vem evoluindo muito bem, desde que iniciamos as sessões de coaching. Já ressignificou crenças que o estavam impedindo de ter a saúde e um corpo saudável. Como ele mesmo disse, em entrevista para o Alexandre Bonfim, diminuiu seu comportamento espalhafatoso, está agindo com mais calma e naturalidade, está aprendendo a dominar e a ter o controle sobre sua mente e suas emoções. Está aprendendo a não descontar uma situação de estresse, de ansiedade no alimento. Está gradativamente criando novos hábitos de vida, que o levarão a ter um corpo saudável e a sua autoestima de volta. Galera, quero convidar todos vocês a incentivá-lo quando o virem pela rua, ou através das publicações. Mandem mensagens de incentivo para que ele se sinta cada dia mais motivado e amado. Pois como diz Clarice Lispector: “Quem caminha sozinho pode até chegar mais rápido, mas aquele que vai acompanhado com certeza vai mais longe”.
@graziprates_coach

 


Marylice Goulart - parapsicóloga 
Na sessão de terapia desta semana percebi o quanto o Orildo está mais tranquilo e confiante. Ele vem naturalmente tomando consciência que ele é o responsável pelos resultados positivos e negativos ao longo de sua vida. Essa nova consciência de responsabilidade não é de julgamento próprio ou para se sentir culpado por alguma coisa. Ele está compreendendo que algumas de suas emoções o faziam agir de forma compulsiva pela comida e que também refletiam em outros aspectos negativos de sua vida. A compreensão das emoções, dos sentimentos e das memórias leva à cura da alma, liberta de tudo o que impede de ter uma NOVA VIDA.
@marylicigoulart


Thiago Zacchi - preparador físico
Sou Thiago Zacchi, proprietário da Biofitt, academia que está dando todo o suporte no treinamento físico do Orildo. Nesta semana tivemos um grande avanço na intensidade do treino e também na frequência - passando de duas para três vezes por semana. Estamos muito satisfeitos com a evolução e o foco do Orildo e isso fica claro todos os dias em que trabalhamos com ele. Ainda estamos adaptando e trabalhando com o cardiorrespiratório de intensidade moderada e boa parte dos exercícios com peso do corpo, mas já encaixando alguns exercícios com resistência. Continuem acompanhando o projeto TransformAção e #VaiOrildo
@biofittacademia



Publicado em 10/10/2019 - por TransformAção

btn_google.png btn_twitter.png btn_facebook.png








Autor deste artigo


Mais vistos

Publicidade

  • Banner-310x260.gif