Carta ao governador eleito

Artigo do ministro do Turismo, Vinicius Lummertz

2785fa9460f44f21c9381995bad39412.jpg Foto: MAYARA SENISE/DIVULGAÇÃO/MTUR

Por: Vinicius Lummertz* 

Caro Comandante Moisés!
 Escrevo-lhe para falar do turismo em nosso estado, aquele setor que na frieza dos números representa 13% do nosso PIB. Porém, o turismo vai muito além de índices. Pela vocação natural de Santa Catarina – e não vou perder tempo descrevendo todo o nosso potencial - o turismo é uma alavanca para o crescimento, num patamar muito semelhante ao que a agroindústria representa para nós desde a década de 1980. Nesse cenário, o estado clama pela implantação de uma política para o turismo.
Ao elencar essa prioridade não me refiro apenas ao setor público, mas também aos milhares de empreendedores e trabalhadores da iniciativa privada que militam no turismo. É claro que precisamos de estrutura financeira para isso – e aí tenho uma boa notícia para dar.
Este ano, o Ministério do Turismo liberou recursos para 81 municípios catarinenses executarem obras de infraestrutura turística como, por exemplo, a revitalização da Prainha, em Blumenau. Além disso, até este mês, 33 das nossas cidades e empresas se habilitaram a receber, através do BNDES e demais bancos oficiais de fomento, R$ 649 milhões dentro do programa Prodetur + Turismo.
Se o governo do estado solicitar R$ 150 milhões do Prodetur ainda este ano e repetir a dose no ano que vem, assim como nossas cidades e empresas, estaremos falando de mais de R$ 2 bilhões para o turismo de SC em 2019.
Aliás, a vinda do Prodetur + Turismo para o nosso estado mostra o quão é importante termos representação política em Brasília. Santa Catarina, infelizmente, padece de força política no centro das decisões nacionais e não apenas em cargos de primeiro escalão, mas em funções que são estratégicas para obtenção de recursos e ações que são prioritárias para nós.
Esse desafio só será vencido se as nossas lideranças, apartidariamente, estiverem unidas no Congresso Nacional, no Executivo e também no Judiciário – e o novo governador tem papel fundamental nessa aglutinação de forças.
É com essa mensagem que me despeço, desejando acima de tudo que Deus ilumine seus passos para o bem do povo catarinense. Forte abraço.
 
*Ministro do Turismo



Tags:
Veja também:









Mais vistos

Publicidade

  • d83a8831fba6952d386c6501dc64c0ab.jpg