Cenas do cotidiano palhocense: as festas de junho

Tem festa para a terceira idade na Enseada e gincana para a garotada na Ponte do Imaruim

f11ab58885aabe08b8e901a6ba908392.jpeg Foto: DIVULGAÇÃO

Junho e julho são meses tradicionais de festas pela cidade. Em geral, a temática “caipira” predomina. Como na Enseada de Brito, onde o clima junino invadiu o salão da Igreja Matriz para alegrar os idosos participantes dos programas e atividades direcionados à terceira idade no município. Com música e comida típica, o evento organizado pela Secretaria de Assistência Social teve o objetivo de melhorar ainda mais a socialização entre os idosos e, consequentemente, a qualidade de vida.

Os “pequenos” também tiveram celebração. A Escola de Educação Básica Henrique Estefano Koerich promoveu a integração dos estudantes na quarta edição da sua gincana escolar.

Com o apoio do diretor Paulo Beal e da assessora de direção Fátima Maria de Souza, as professoras Adriana Prá Steinbach, Jeanete Eli Schmitt e Ana Paula da Rosa conseguiram organizar a gincana, que teve como tema “Xô preconceito: e daí, que diferença faz?”.

A intenção foi a de combater o preconceito e a discriminação no ambiente escolar, proporcionando atividades positivas, que estimulam a intervenção individual e coletiva contra atitudes preconceituosas, etnocêntricas e discriminatórias. A gincana promoveu a integração entre estudantes, professores, funcionários, pais e a comunidade.

 



Galeria de fotos: 13 fotos
Créditos: DIVULGAÇÃO DIVULGAÇÃO DIVULGAÇÃO DIVULGAÇÃO DIVULGAÇÃO DIVULGAÇÃO DIVULGAÇÃO DIVULGAÇÃO DIVULGAÇÃO DIVULGAÇÃO DIVULGAÇÃO DIVULGAÇÃO DIVULGAÇÃO
Tags:
Veja também:









Mais vistos

Publicidade

  • Banner-310x260.gif