Coluna Policial - Edição 665

Operação Sashimi teve novas ações

0d858a8e6e6dc69780ab9c706ee9ae4b.jpeg Foto: DIVULGAÇÃO

Por: Dienifer Leite

 

OPERAÇÃO SASHIMI
A Divisão de Furtos e Roubos de Cargas da Deic, em continuidade à Operação Sashimi, iniciada no dia 2 de novembro, cumpriu na sexta-feira (9) novos mandados de busca e apreensão em Palhoça. A ação faz parte de investigação que apura grupo criminoso responsável pelo roubo de 22 toneladas de salmão chileno avaliada em R$ 540 mil que ocorreu no dia 24 de outubro em São Gabriel (RS).
Foi preso em flagrante delito, por posse ilegal de arma, um homem de 55 anos, sócio da empresa palhocense envolvida no caso, localizada na marginal da BR-101, onde foram localizadas 5 toneladas da carga roubada no Rio Grande do Sul. Nesta segunda fase da Operação Sashimi, foram apreendidos documentos e uma pistola .380, com 27 munições intactas. 

NOVO CAIXA 2
Na manhã de quinta-feira (8), a Polícia Civil realizou operação policial denominada Nova Caixa 2, com diligências em São José e Palhoça, resultando em cinco adultos presos e dois adolescentes apreendidos. A ação foi coordenada pela Divisão Especializada de Combate ao Narcotráfico da Deic e pela Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente, Mulher e Idoso.
Essa nova incursão policial no Morro da Caixa teve por objetivo desarticular os traficantes remanescentes que não haviam sido qualificados na primeira fase da operação, ocorrida em setembro, bem como cessar com o tráfico de drogas que ocorre diariamente na avenida Governador Ivo Silveira.
Foram dois meses de diligências e filmagens realizadas no interior da comunidade que resultaram na expedição de oito mandados de prisão temporária e três internações provisórias de adolescentes. Desses, foram presos cinco adultos – entre eles um dos líderes do tráfico na região - e apreendidos dois adolescentes.


OPERAÇÃO ANJOS DA LEI
Na manhã desta terça-feira (13), policiais civis da DIC de Palhoça, unidade coordenada pela delegada de Polícia Civil Raquel de Souza Freire, participaram da operação policial denominada "Anjos da Lei", deflagrada em toda Santa Catarina. No município, foi dado cumprimento a mandados de prisão nos bairros Rio Grande e Passa Vinte.


PRISÃO (1)
No início da noite de sexta-feira (9), policiais civis da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Palhoça, unidade coordenada pela delegada de Polícia Civil Raquel de Souza Freire, prenderam um homem de 48 anos na Praça Sete de Setembro, no Centro. Havia contra ele um mandado de prisão pelo crime de apropriação indébita, expedido em outubro pela 2ª Vara Criminal da Comarca de Palhoça. 

PRISÃO (2)
Na tarde de quarta-feira (7), policiais civis da  DIC de Palhoça prenderam um rapaz de 21 anos em um ponto de venda de drogas no interior da comunidade do Brejaru. Havia contra ele um mandado de prisão preventiva pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas expedido em agosto pela 1ª Vara Criminal da Comarca de Palhoça. Na tarde da prisão, o rapaz portava duas embalagens plásticas, uma contendo 15 porções de crack e outra contendo cinco papelotes de cocaína, droga individualizada e embalada para o comércio ilícito naquela comunidade. 

PRISÃO (3)
Na tarde de sexta-feira (9), policiais civis da DIC de Palhoça prenderam um homem de 24 anos no Caminho Novo. Ele havia sido detido em 2015 no mesmo bairro portando razoável quantidade de maconha destinada ao comércio ilícito. Por isso, havia contra ele um mandado de prisão pelo crime de tráfico de drogas, expedido em outubro. Após julgamento em segunda instância, ele foi condenado à pena privativa de liberdade de cinco anos de reclusão em regime inicial semiaberto. Ele foi encaminhado para a Colônia Penal Agrícola do Bela Vista.



Tags:
Veja também:









Mais vistos

Publicidade

  • Banner-310x260.gif