Evolke oferece treino gratuito para alunos obesoa

Academia, no Centro de Palhoça, oferece atividade física gratuita para quem sofre com obesidade

7545cfd7f2c63fd7918befd979cdf176.jpg Foto: LUCIANO SMANIOTO

Muito mais do que moldar corpos sarados, a prática de exercícios físicos é essencial para a nossa saúde. Pensando nisso, a Evolke Personal Studio resolveu entrar na luta contra a obesidade. A academia está abrindo as portas para pessoas obesas treinarem gratuitamente.

O problema é sério. Indiretamente, a obesidade é a segunda principal causa de mortes no mundo. Quase 40% da população adulta hoje, no planeta, está com sobrepeso, e as consequências são devastadoras para a saúde, porque o sobrepeso é fator de risco para várias doenças, como diabetes, problemas cardiovasculares e até câncer - isso sem falar na depressão, que costuma vir a tiracolo das “gordurinhas a mais”. “É um assunto muito mais crítico do que parece”, alerta o educador físico Leonardo Rosa, sócio-proprietário da Evolke.

Leonardo diz que tem grandes amigos sofrendo para combater a obesidade, e não é um combate fácil. Por isso, decidiu ajudar, não só os amigos, mas toda a sociedade. “A ideia surgiu da nossa vontade de levar atividade física como algo relacionado à saúde. Veio também da vontade de entregar algo à sociedade. A Evolke chegou a Palhoça não faz um ano e a gente foi muito bem acolhido”, afirma Leonardo.

Uma nutricionista vai fazer a triagem para definir quais são as pessoas que estão aptas a participar do programa. Quem for selecionado na triagem, tem acesso aos serviços da academia gratuitamente, até “deixar de ser obeso”. Ele entra em alguma das turmas disponíveis para o treinamento funcional, mas os exercícios serão adaptados para o condicionamento de uma pessoa obesa, trabalhando de uma forma controlada valências físicas como agilidade, força e resistência. “A gente fica bem em cima deste tipo de aluno, damos uma superatenção, para ele não passar do que ele deve fazer”, comenta Leonardo.

Mais do que “emagrecer”, uma das ideias do programa é tentar conscientizar a pessoa quanto à real importância da atividade física para a saúde. “Atividade física é para a vida. A velhice vai chegar para todo mundo, e você tem que escolher de que forma você quer chegar lá, se é de uma forma saudável ou ficar dependendo dos outros”, observa o educador físico. “De coração: se não for conosco, vai procurar outra coisa que goste de fazer, como natação, vôlei, tênis, mas as pessoas têm que se conscientizar sobre a importância da atividade física”, acrescenta.

O estúdio tem apenas oito meses de atividade no Centro de Palhoça, mas Leonardo já tem anos de profissão e acompanhou muitos casos de pessoas que abandonaram o sedentarismo e hoje têm qualidade de vida. “A minha aluna que mais treina hoje dizia para mim que não tinha disposição nem para brincar com o filho dela quando começou. Ela estava bem acima do peso dela, e hoje é quem mais treina. Então, a gente já tem casos de sucesso”, diz o profissional.

Leonardo explica que muito desse sucesso vai depender da força de vontade de cada pessoa. A realização vem quando a atividade física realmente vira um hábito. Um hábito saudável, que irá se perpetuar por toda a vida. “Não dá pra parar. Passou por todo esse processo doloroso, depois volta tudo de novo?”, pondera.

Para maiores informações, entre em contato com a academia pelo telefone 98413-2602.



Tags:
Veja também:









Mais vistos

Publicidade

  • Banner-310x260.gif