Palavra Palhocense - Falta-de-uniformes-impede-alunos-de-escola-do-caminho-novo-a-disputar-campeonatos

Falta de uniformes impede alunos de escola do Caminho Novo a disputar campeonatos

“Chegamos muito longe com pouco, mas é esse pouco que valorizamos muito, porque nada foi fácil de se conquistar”

86a77c42d42b34a51ac5f5fcaa64f32e.jpeg Foto: DIVULGAÇÃO

“Chegamos muito longe com pouco, mas é esse pouco que valorizamos muito, porque nada foi fácil de se conquistar”, conta um dos jogadores do time Ursulina F.C, fruto do projeto de incentivo à prática esportiva da Escola Ursulina de Senna Castro, no Caminho Novo. Muito mais do que apenas times de futebol e futsal, os alunos estão participando de diversos torneios, campeonatos e festivais, mas infelizmente por falta de recursos, inclusive para a compra de novos uniformes, o caminho desses jogadores tem sido muito difícil.
O projeto começou em maio de 2017, com o objetivo de formar times de futebol e futsal para participarem dos Jogos Escolares de Santa Catarina (JESC), mas, diante do talento dos alunos, a técnica e professora Laísa Cristina Pereira da Silva resolveu levar a ideia adiante: “Após o campeonato do JESC percebi o interesse e talento que os alunos tinham com o esporte e resolvi seguir o trabalho levando eles para outros torneios, campeonatos e festivais”, relembra a professora.
“Me sinto honrada em fazer parte desse time. Tenho eles como minha segunda família. Meu objetivo dentro de tudo isso não é somente a prática do futebol, e sim a importância do trabalho em equipe, da cooperação, respeito e responsabilidades que eles precisam ter dentro e fora de campo”, destaca a técnica e professora.
Agradecidos por toda dedicação da professora Laísa, os alunos afirmam que nada é suficiente para agradecer por tudo que ela tem feito desde o começo do projeto até hoje. “Nosso time joga muitos campeonatos representando Palhoça e uniforme assim como transporte são fundamentais. Temos muitas dificuldades, como a falta de material. São coisas fundamentais que temos que batalhar, viemos lá de baixo e chegamos longe”, conta orgulhoso um dos jogadores do time e aluno, Thomas Joseon Oliveira dos Santos, destacando ainda que na última semana o time fez teste com o time do Atlético Paranaense F.C.
Com muita dedicação, o time foi se destacando dentro do município de Palhoça, mas infelizmente as dificuldades começaram a aparecer. Para cada torneio os times precisam de transporte, alimentação e muitas vezes as inscrições nos torneios são pagas, um gasto que infelizmente o time não tem como arcar. Na busca por conseguir os valores que precisam para participar de alguma competição os alunos organizam bingos, rifas, entre outras ações. “Como não temos recurso próprio para conseguir levá-los, a gente promove essas ações e, uma vez por mês, organizamos um torneio de futsal. Cobramos as inscrições dos demais times e assim conseguimos algum lucro”, explica Laísa.
Para o aluno e jogador Júlio Cesar Alves, 16 anos, estar no time do Ursulina é muito mais do que jogar futebol, é estar em família. Grato por todo incentivo e dedicação da professora Laísa ele faz questão de lembrá-la: “Eu me sinto muito feliz pois futebol é um sonho desde criança, mais a maior felicidade que tenho no time é ver os meus parceiros sorrindo e essa família que se construiu graças a professora Laísa.  Aqui é minha segunda família”, elogia o aluno.
Atualmente o time tem recebido inúmeros convites para participar de campeonatos dentro e fora do município, mas infelizmente possui apenas um uniforme, que não está sendo o suficiente para atender as necessidades das equipes. “Somos em 50 pessoas neste projeto. Na maioria das vezes para participar dos campeonatos o torneio é dividido por categoria, com isso mais de um time participa e, desse jeito, não temos o uniforme completo para todos”, lamenta a professora.
Sobre o uniforme, Júlio confirma que infelizmente tem sido uma dificuldade, isso porque os times têm mais atletas do que uniformes, seria esse o motivo dos alunos estarem procurando um patrocínio para os times.  “Queremos ajudar o time Ursulina F.C e quem patrocinar o time será bem visto, afinal temos representado nossa escola até mesmo em outros municípios”, destaca o aluno.  

Quer ajudar?
Os times precisam de um apoio para continuar disputando outros campeonatos. Crescem os convites para representar inclusive o município, mas para isso eles precisam de ajuda financeira e dos uniformes. Quer ajudar? O telefone para contato e informações é o 48 98915-0152, com a professora Laísa.   



Galeria de fotos: 2 fotos
Créditos: DIVULGAÇÃO DIVULGAÇÃO
Tags:
Veja também:









Mais vistos

Publicidade

  • d83a8831fba6952d386c6501dc64c0ab.jpg