Geração de empregos: saldo negativo em 2017

Dados do Caged indicam que o município perdeu 53 postos de trabalho

f5cc8fb0733d0ff81b2373f1bd4af6d5.jpg Foto: DIVULGAÇÃO

Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), publicado no dia 22 de fevereiro, mostram o registro de admissões e dispensa de empregados, sob o regime da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), nos municípios brasileiros. Pelo terceiro ano consecutivo, o saldo em Palhoça foi negativo em 2017: perdemos 53 postos formais de trabalho.

Mas a situação já foi pior, em 2015 (saldo negativo de 1.252) e em 2016 (1.217 vagas perdidas), o que pode indicar que nossa economia dá sinais de recuperação.

O cadastro é utilizado pelo Programa de Seguro-Desemprego, para conferir os dados referentes aos vínculos trabalhistas, além de outros programas sociais. O Caged serve, ainda, como base para a elaboração de estudos, pesquisas, projetos e programas ligados ao mercado de trabalho, ao mesmo tempo em que subsidia a tomada de decisões para ações governamentais.

 

Emprego em Palhoça

Saldo entre demissões e admissões em 2017, por setor

 

Extração mineral: -68

Indústria de transformação: +130

Serviços ind. de utilidade pública: +3 

Construção civil: -39

Comércio: +523

Serviços: -599

Administração pública: +3

Agropecuária: -6



Tags:
Veja também:









Mais vistos

Publicidade

  • d83a8831fba6952d386c6501dc64c0ab.jpg

Destaques

  • Nenhuma matéria relacionada.