Homenagem aos 183 anos da PM na Pedra Branca

Cerimônia foi na Praça do Espelho D'Água

11732ca8f9c94e9679507fc670e03469.jpg Foto: DIVULGAÇÃO


Na tarde de sexta-feira (4), a Praça do Espelho D’Água, no Passeio Pedra Branca, recebeu a solenidade alusiva ao aniversário pelos 183 anos da Polícia Militar, com promoções e formatura do 1º Curso de Patrulha Urbana em Áreas de Alto Risco do 16º Batalhão de Polícia Militar (BPM).

Durante o evento, foram entregues condecorações do Brasão do Mérito Pessoal, medalhas de Mérito por Tempo de Serviço, Mérito por Ato de Bravura e Mérito Lopes Vieira, e Formatura do 1º Curso de Patrulha Urbana em Áreas de Alto Risco.

O evento contou com diversas autoridades, entre elas a deputada estadual Dirce Heiderscheidt (MDB); o prefeito em exercício de Palhoça, Amaro Junior (MDB); o secretário municipal de Segurança Pública, Claúdio Monteiro; o promotor de Justiça da Comarca de Palhoça, Márcio Conti Júnior; o comandante da 11ª Região da Polícia Militar, Áureo Sandro Cardoso; além de outras autoridades civis, militares, agraciados e convidados.

Após a leitura da sinopse histórica da Polícia Militar, foi realizada a entrega do Brasão de Mérito Pessoal de 1ª Categoria ao tenente-coronel Valério Francisco da Silva e outro de 2ª Categoria ao terceiro-sargento Robson Luca.
O Brasão de Mérito Pessoal da PM foi instituído com a finalidade de distinguir os policiais militares que se destacam por seus méritos e aqueles que devam ser recompensados por apresentarem um melhor desempenho profissional, estimulando a busca pela qualificação em suas atividades, através do reconhecimento ao seu trabalho, da elevação do moral da tropa e do desenvolvimento do espírito de corpo.

Continuando com as homenagens, foram agraciados com medalhas: o terceiro-sargento Adenilson Gonçalves Marques (Mérito por Tempo de Serviço: 20 anos) e o cabo Danniel Filipe Rodrigues (Mérito por Tempo de Serviço: 10 anos).
Receberam a Medalha do Mérito Policial Militar Coronel Lopes Vieira: o comandante do 7º BPM, tenente-coronel Fernando André da Silva; e o instrutor do Proerd do 16º BPM, terceiro-sargento Mauri da Silva.

A Medalha de Mérito Policial Militar Coronel Lopes Vieira é destinada a homenagear oficiais e praças da PM, militares das Forças Armadas e militares estaduais de outras corporações nacionais ou estrangeiras, civis ou instituições, que se distingam por ato ou trabalho excepcional, no exercício da profissão, em prol da corporação ou da coletividade, e considerada dignas dessa homenagem pela corporação.

A medalha de Mérito Cruz de Bravura, destinada aos integrantes da corporação que, no cumprimento do dever, se hajam distinguido por atos excepcionais de desprendimento, espírito de sacrifício coragem e bravura, com risco de vida, foi entregue ao segundo-sargento Claudinei José da Silva e ao terceiro-sargento Carlos Eduardo Pedro.

Foram promovidos por merecimento: o primeiro-sargento Andre Luiz da Cunha (promovido a subtenente), o segundo-sargento Claudinei José da Silva (a primeiro-sargento) e o cabo Alexandre Theodoro da Silva (a terceiro-sargento).
Foi realizada também a formatura do 1º Curso de Patrulha Urbana em Áreas de Alto Risco realizado em Palhoça, sendo prestigiado o primeiro colocado do curso, com média final de 9,87, o soldado Fábio da Silveira, com a premiação e o brevê do curso.

O comandante do 16º BPM, tenente-coronel Jacob Quint Neto, agradeceu a todos, autoridades, policiais e seus familiares, pela presença: “É um momento para ficar na memória de todos nós, um momento eternizado por todas as barreiras e dificuldades que ultrapassamos para chegarmos até aqui, porém vencemos e continuaremos a vencer! Vida longa à Polícia Militar de Santa Catarina”.



Tags:
Veja também:









Mais vistos

Publicidade

  • d83a8831fba6952d386c6501dc64c0ab.jpg

Destaques

  • Nenhuma matéria relacionada.