Inaugurada 2ª etapa da Avenida das Torres

Quando concluída, obra vai oferecer novo acesso do Pagani ao Jardim Eldorado

e31341a1871b2a30e5a8515b6867f710.jpeg Foto: DIVULGAÇÃO/PMP

A Prefeitura de Palhoça concluiu a 2ª fase da Avenida das Torres, que liga os bairros Pagani e Passa Vinte, na noite de segunda-feira (27). A cerimônia de inauguração reuniu moradores, servidores, autoridades municipais e estaduais. A ligação do trecho com o sistema viário ocorre por meio da avenida Hilza Terezinha Pagani, no bairro Pagani.
O trecho recebeu o nome de Raulino Pagani (in memorian) em homenagem a um empresário do ramo madeireiro que foi um dos precursores do desenvolvimento da região onde hoje está localizado o bairro. Na ocasião, foi homenageado também o empreendedor do ramo imobiliário e da construção civil Gentil Reinaldo Cordioli Filho, apoiador do desenvolvimento da cidade e incentivador da obra.
O secretário de infraestrutura, Eduardo Freccia, lembrou que a Avenida das Torres faz parte de uma pacote de obras iniciado em 2016. "Foram investidos R$20 milhões em corredores de ônibus e ruas que aguardavam pavimentação há mais de 30 anos", concluiu.
A construção é resultado da parceria entre município e governo do estado por meio da captação de R$10 milhões oriundos do Fundo de apoio aos Municípios, o Fundam. O deputado estadual Gelson Merísio foi um dos articuladores para o recurso e afirmou que o município merece continuar recebendo auxílio. "O estado tem sido um grande apoiador de Palhoça, que é uma cidade promissora com crescimento contínuo. Hoje mesmo o governador está intermediando a conquista de mais um pacote de obras junto ao Fundam", salientou.
Segundo o prefeito Camilo Martins, a obra começou a ser planejada em 2013 com foco no futuro. "A partir do projeto fomos atrás do recurso, que foi o maior investimento do Fundam na época. Uma obra desse porte depende de muitos apoios, por isso faço questão de agradecer publicamente ao deputado Gelson Merísio, que me auxiliou muito a captar o investimento necessário. Além disso, agradeço ao Gentil Cordioli, um verdadeiro conselheiro e incentivador, e a todos os servidores envolvidos em cada detalhe. Este é apenas um evento simbólico que antecede a terceira e última etapa, que já está bem adiantada", acrescentou o prefeito.
A maior obra de mobilidade urbana da cidade tem aproximadamente seis quilômetros de extensão, interligando vários bairros e beneficiando mais de 80 mil usuários. Além disso, a Avenida das Torres facilita a conexão com o município vizinho de São José e integra outros bairros ao Pedra Branca, onde está instalado o campus universitário da Unisul.
 
Três Etapas
A construção da Avenida das Torres foi subdividida em três fases: a primeira liga o bairro Jardim Eldorado, ao Pagani, passando pelo Passa Vinte. A segunda etapa, correspondente ao trajeto entre a avenida Hilza Trezinha Pagani, no bairro Pagani, e a Rua Salvador Assis da Silveira, no Passa Vinte.
A terceira e última fase é a mais complexa, pois depende de desapropriações e prevê a ligação entre as etapas anteriores, da rua Salvador Assis da Silveira à rua Independência, no Jardim Eldorado.



Tags:
Veja também:









Mais vistos

Publicidade

  • d83a8831fba6952d386c6501dc64c0ab.jpg

Destaques

  • Nenhuma matéria relacionada.