Polícia Civil desarticula grupo de estelionatários

Quadrilha de ciganos sediada em Palhoça atuava em todo o estado

127e9eab256635c1ca41b8bfe2987b27.jpeg Foto: DIVULGAÇÃO

A Polícia Civil, por meio do Setor de Investigação e Capturas da Delegacia de Polícia da Comarca de Palhoça, deu cumprimento a dois mandados de busca e apreensão na manhã desta sexta-feira (9), em Palhoça. Na oportunidade, dois mandados de prisão foram cumpridos, bem como cinco dos investigados foram presos em flagrante pela prática dos crimes de falsa identidade e uso de documento falso.

Trata-se da segunda etapa de investigação que apura a prática dos crimes de estelionato, associação criminosa, uso de documento falso e adulteração de sinal identificador de veículo automotor por quadrilha de ciganos que atualmente está sediada em Palhoça. Foi apurado que esses indivíduos vêm aplicando golpes, principalmente relacionados à negociação comercial de automóveis, há vários anos na região Sul do Brasil.

Na primeira etapa, dois indivíduos integrantes da quadrilha foram autuados em flagrante delito por estelionato, associação criminosa e corrupção de menores, após serem surpreendidos em meio a negociação fraudulenta de um veículo, contando com o auxílio de dois adolescentes.

A operação de sexta-feira contou com o apoio do Instituto Geral de Perícias (IGP) para a coleta papiloscópica dos investigados para fins de identificação criminal, haja vista a dificuldade em identificar os ciganos, que comumente se utilizam da questão cultural para permanecerem com registros de identidade precários, a fim de facilitar a prática criminosa.

Após os procedimentos policiais, os presos aguardam audiência de custódia.



Tags:
Veja também:









Mais vistos

Publicidade

  • Banner-310x260.gif