Com a taça na mira

Piloto da Pinheira faz bonito em Tijucas e se aproxima do título em categoria da Copa Grande Floripa de Velocross

be4b665e38d7ee59d78128d613b1654e.jpeg Foto: DIVULGAÇÃO

Falta apenas uma prova para o piloto radicado em Palhoça Marco Caetano Linhares da Silveira, o Mascote, terminar a temporada com o título da Copa Grande Floripa de Velocross na categoria Intermediária Força Livre Nacional. Mascote está a apenas um ponto do líder da categoria. Quem chegar na frente na etapa derradeira, em novembro, no Motódromo Xavecos, em Tijucas, será o campeão.

A condição de disputar o título praticamente em igualdade de condições veio depois de um grande desempenho na sétima e penúltima prova da temporada, disputada no último final de semana, no Parque de Eventos Terra Nova, também em Tijucas. Sobre as duas rodas da sua Honda CRF 150F, número 135, Mascote conquistou um terceiro lugar na Força Livre e venceu a prova na Street Livre (nesta categoria, o piloto da Pinheira chegou à terceira colocação na classificação do campeonato).

Na prova noturna do sábado (8), não foi nada fácil chegar ao pódio. “Fiz o segundo melhor tempo na classificatória, mas tive um problema com o motor duas horas antes da corrida. Graças a meu mecânico e equipe (Juninho Preparações), conseguimos trocar de motor a tempo e fomos pra corrida com a moto bem acertada”, relembra. Depois da largada, mais problemas. “Larguei em terceiro, mas escorreguei em um barro liso e caí na primeira volta. Não deixei a moto morrer e vim de último colocado com o objetivo e o dever de ficar na frente do líder do campeonato, para que a disputa pelo título ficasse pra etapa final e eu consegui. De último, terminei a prova em terceiro lugar”, recorda o piloto, de 32 anos.

No domingo (9), na disputa da Street Livre, veio a tão esperada vitória – a primeira dele na pista do Parque de Eventos Terra Nova. “É uma categoria que há tempo minha vitória vinha batendo na trave. Às vezes por quedas, às vezes por problemas com a moto, mas neste dia foi diferente”, diz Mascote, aliviado. Mesmo largando mal, o piloto da Pinheira deixou os adversários na poeira e conseguiu chegar na frente na linha de chegada.

A vitória animou Mascote a lutar na última etapa para ficar entre os três primeiros colocados na Street Livre. Na Force Livre, a expectativa é pelo título. “Recebi muitos elogios, me disseram que dei um show! Isso me anima demais. Agora é concentrar e treinar para a final, que será dias 10 e 11 de novembro, na cidade de Tijucas, no Motódromo Xavecos. Lá o bicho vai pegar”, projeta. “É a pista que eu mais gosto e mais treino, então tem tudo pra dar campeão”, finaliza.

Clique e saiba mais sobre a carreira do Mascote!



Galeria de fotos: 2 fotos
Créditos: DIVULGAÇÃO DIVULGAÇÃO
Tags:
Veja também:









Mais vistos

Publicidade

  • d83a8831fba6952d386c6501dc64c0ab.jpg