Editorial - 710

 

Presente de Gaia

Assim como nosso corpo... O nosso planeta também dá sinais quando algo não vai bem. O termo “Gaia” surgiu como a personificação do planeta Terra, representada como uma mulher gigantesca e poderosa. 
De fato, ela detém muito poder e há muita energia circulando por todo o seu corpo. Mas vamos nos ater aos sinais, ou melhor, os sintomas. Gaia parece um tanto desequilibrada. Seus ciclos, que antes respeitavam períodos bem definidos, parecem fora de controle. Grandes ondas de calor e seca se abatem na região do corpo de Gaia na qual habitamos. Não há chuva suficiente. Sua pele está seca. Seria a chegada da menopausa, para esta idosa senhora?
Para piorar, parte da pele de Gaia, com exatos 675,41 km², também conhecida por Palhoça, vem sofrendo com repetidas queimaduras. As chamas a tomam e destroem sua derme com voracidade assustadora.
O mais impressionante é que essa destruição é causada por elementos que habitam Gaia... e deveriam fazer parte, em equilíbrio, de sua natureza. Mas não tem sido assim... Seria a raça humana um vírus nocivo encrostado entre suas células? 
Longe de qualquer tendência apocalíptica, a ideia aqui é alertar. Com o Dia das Crianças sendo comemorado neste sábado (12), fica aqui a provocação sobre qual o melhor presente que poderíamos dar a essa tenra geração. Se não escolhermos bem... Gaia dirá



Publicado em 10/10/2019 - por Palhocense

btn_google.png btn_twitter.png btn_facebook.png








Autor deste artigo


Mais vistos

Publicidade

  • Banner-310x260.gif