TRE explica demora no processamento de votos

Às 19h15, ainda não havia urna contabilizada em Palhoça. Votação terminou às 17h

3aed26fd6f1e4eb34b937d78178618ce.jpeg Foto: FLÁVIO LENGRUBER

A demora para a divulgação dos resultados em Palhoça tem justificativa. É que nestas eleições municipais, todos os boletins regionais estão sendo encaminhados para o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em Brasília. Antes, a contabilização era feita pelos próprios Tribunais Regionais Eleitorais (TRE-SC).

A votação terminou às 17h, mas, até as 19h15, nenhuma urna havia sido contabilizada em Palhoça, segundo o sistema do TSE.

O secretário de Tecnologia da Informação do TRE-SC, Eron Domingues, informa que os boletins que puderam ser enviados previamente a Brasília já foram processados. “Agora, existe uma fila de processamento no TSE, que está aos poucos sendo distribuída. Mais lento do que se esperava, mas está andando aos poucos”, completa.

A informação é a de que o TSE está atuando para tentar colocar mais máquinas e otimizar a infraestrutura. “A expectativa é a de que comece a andar um pouco mais e a soltar os resultados”, comenta o secretário. A centralização foi baseada em um sistema de segurança, do próprio TSE, para evitar possíveis ataques.



Tags:
Veja também:









Mais vistos

Publicidade

  • ea73bab336bac715f3185463fd7ccc14.jpg