Terreno abandonado no Aririú preocupa moradores

Vizinhos já teriam tentado entrar em contato com o proprietário do terreno, mas nenhuma providencia foi tomada até o momento

2bd45824798b9a630f992d954b8feb18.JPG Foto: NORBERTO MACHADO

Texto: Isonyane Iris

Localizado na esquina da rua dos Lagos, no Aririú, um terreno abandonado está causando diversos transtornos aos moradores vizinhos. Sem limpeza ou sequer manutenção, o local está coberto por mato e ainda servindo de atrativo para ratos, baratas e outros animais peçonhentos. Moradores próximos não aguentam mais a situação e pedem que a Prefeitura notifique o proprietário e exija que sejam tomadas as devidas providências para limpeza do terreno. 

Moradora do Residencial Maria Edileuza, prédio vizinho ao terreno, Angelita Rossetto Silva mora há dois anos no local e afirma que a situação de abandono é preocupante.  Ela relatou também que já houve tentativa de contato com o proprietário do terreno, mas que ele não teria dado sequer um retorno. Além disso, a situação também já teria sido levada à Prefeitura, que até o momento não tomou nenhuma providência . 

“Eu cuido de uma cachorrinha que fica do lado do prédio e sempre que passo pelo terreno eu fico assustada com a situação que está. O mato está tão alto que está quase da altura do prédio, isso sem falar dos ratos, baratas, mosquitos, aranhas e outros bichos que a gente vê saindo do terreno em direção às casas. O dono do terreno sabe da situação, mas nunca apareceu e a Prefeitura até hoje não se manifestou sobre o assunto ou mesmo providenciou alguma limpeza na área”, reclama a moradora.

Incomodados com o estado que o terreno se encontra e com a quantidade de animais peçonhentos que estão invadindo as residências, muitos moradores estão tendo que manter suas casas completamente fechadas. “Vivo aqui com as janelas e portas fechadas porque não dá para bobear que a gente encontra ratos, mosquitos e baratas, é uma infestação. Acho isso uma falta de respeito. Será que o dono não pensa nas famílias que moram aqui perto e que estão sofrendo com a falta de limpeza?”, questiona Maria Aparecida Neves.

A Fiscalização de Posturas de Palhoça informa que está realizando vistorias por loteamento e que irá ao local. Após identificar o proprietário do terreno no IPTU, os fiscais enviam notificações no endereço de moradia exigindo a limpeza sob o risco de multa, caso a Prefeitura necessite limpar o terreno.



Tags:
Veja também:









Mais vistos

Publicidade

  • Banner-310x260.gif