Cartão Rosa - Edição 770

Osvaldo Luiz vem dando um banho de competência no comando do Projeto Lico11, no campo do Atlântico, na Barra do Aririú


Um bom nome
Com a saída de Márcio Coelho, o Figueirense surpreendeu a todos quando escolheu o novato técnico Elano para a continuidade da Série B do Campeonato Brasileiro. Desconhecido, aqui, como treinador, Elano já havia treinado alguns clubes de divisões inferiores do futebol paulista, nada que pudesse motivar o torcedor alvinegro. Jorginho, que tem mais experiência, é a nova sensação no comando técnico do time. Dizem que na vida é assim: o desconhecido motiva e ao mesmo tempo assusta. Jorginho chegou ao Scarpelli sabendo que iria encontrar um time desarticulado e um clube com sérios problemas administrativos. Jorginho já tirou o Figueirense da maldita zona. É um bom nome para comandar o time na temporada 2021.


Maior torcida do Brasil
Este Brasileirão está ficando cada vez mais empolgante. Até o fechamento desta edição, o São Paulo, com uma série de jogos sem saber o que era perder uma partida e com uma boa vantagem de pontuação para o segundo colocado, parecia direcionar a conquista da taça de campeão brasileiro de 2020. Só que o Corinthians de Vagner Mancini não quis saber desta história de líder isolado e resolveu abater o Tricolor paulista. A derrota abriu caminho importantíssimo para o Flamengo, que voltou a animar um pouco a maior torcida do Brasil.


Outro time
Sem muito tempo, com compromissos em sequência na Segundona brasileira deste ano, o Figueirense parece ser outro time. Após três vitórias consecutivas, não deixando lugar para dúvidas, o Alvinegro do Estreito continua na luta pra não ser rebaixado para a Série C. O time já deixou a maldita zona, mas para se distanciar, terá que brigar ponto a ponto. Pensando nisso, a diretoria alvinegra já renovou com o bom goleiro Rodolfo Castro e com o volante Patrick, até dezembro de 2022.


Direcione vitórias
Não que o Avaí tenha exercido um domínio implacável sobre o Sampaio Corrêa. O Leão desembarcou na capital maranhense embalado por uma importante vitória, no apagar das luzes, contra a Ponte Preta, em Campinas (SP). Até que o Sampaio Corrêa foi um adversário brioso, capaz de criar algumas chances, mas os comandados de Claudinei Oliveira conquistaram uma vitória segura, recolocando o Avaí na linha de frente na disputa de uma vaga na elite do futebol brasileiro. O Avaí bateu o Sampaio Corrêa por 1x0 e essa foi a segunda conquista do time com seu novo comandante, em dois jogos fora de casa. Para chegar à elite, é preciso que esse time direcione mais vitórias como essas.

 

Está na briga
A disputa na Série B está embolada, e a cada rodada, cada jogo tem cunho decisivo. Considerando que Chapecoense e América-MG não irão perder as suas oportunidades de acesso à elite do futebol brasileiro, CSA, Cuiabá, Juventude, Sampaio Corrêa e Avaí irão brigar pelas outras duas vagas restantes, com diferenças mínimas de pontuação entre si. A situação do Leão da Ilha ainda não é tão confortável assim, pois, além de depender de si próprio, terá que torcer por resultados adversos de alguns outros clubes. Mas o time está na briga.


Fim de semana
Este Brasileirão tem tido seus lampejos de surpresas. No último fim de semana, o Timão, com um time bem mais coerente e mais arrumado, criou poucas e boas chances até sair o seu golzinho da vitória sobre o São Paulo, para ganhar moral e tentar algo mais neste Brasileirão. Já o Flamengo, que não quis nem saber se o time do Peixe era juvenil ou não (assolado pela Covid-19, lesões, cartões e com os olhos na Libertadores, o Santos entrou em campo com uma garotada), tratou de aplicar uma goleada. 


Cartão rosa/vermelho
Cartão Rosa para o bom projeto Estrelar Academia de Futebol, um centro de preparação de atletas que vem desenvolvendo um bom trabalho no Madri. Esse projeto é o lar das futuras estrelas do nosso futebol.

Cartão vermelho para este famigerado INSS, que não está nem aí para os seus assegurados quando o assunto é analisar os benefícios. O que era para demorar 45 dias, agora aumentou para 90 dias. Enquanto isso, um deputado federal, e são eles que aprovam essas barbáries, recebe R$ 3,3 milhões por ano, sem ter muito o que fazer.


Pensamento do Bambi
Antes da quarentena, eu já falava sozinho. Agora, isolado, estou dando até palestra.


DROPS DA ARQUIBANCADA
Enquanto o futebol brasileiro se despedia do ex-treinador Marcelo Veiga, vítima da Covid-19, o professo Vanderlei Luxemburgo era internado, após testar positivo para essa pestilência pela segunda vez.
Enquanto o Guarani de Palhoça fez uma pífia campanha na Segundona catarinense, Próspera e Hercílio Luz irão brigar para ver quem irá levar a taça de campeão. Paulo Baier, técnico do Próspera, está confiante no seu time.
Coisa horrorosa aquilo no vestiário do Avaí no estádio Castelão, em São Luís (MA). O clube maranhense teve a cara de pau de colocar cadeiras de escritório para que os jogadores avaianos trocassem de roupas. Pura várzea, com a conivência da CBF.
Essa praga do século não está dando mole pra ninguém. Mais um jogador alvinegro foi diagnosticado com a Covid-19 e já se encontra em quarentena. O bom zagueiro Guilherme Thiago já está em isolamento, sendo monitorado pelo departamento médico do clube.

 

O bairro Ponte do Imaruim se despediu, na última terça-feira (15), de um de seus mais importantes moradores. Seu Didico, aqui ao lado do seu neto Alex, deixa um grande legado. A coluna lastima o seu falecimento



Publicado em 17/12/2020 - por Margarida Clésio Moreira dos Santos

btn_google.png btn_twitter.png btn_facebook.png








Autor deste artigo


Mais vistos

Publicidade

  • ea73bab336bac715f3185463fd7ccc14.jpg