f8cd4f6b92c2fc70f0e82ac7e1a42880.jpg Vacinação em SC: estado ultrapassa 5 milhões de pessoas com esquema vacinal completo

1069b9477a3a0d2f867498dc62b62e0e.jpeg Campanha quer melhorar autoestima de mulheres em situação de vulnerabilidade

5f9a9fdb32314194b4a64723f76fca64.jpeg Membros da comunidade se mobilizam para preservar vegetação na Pedra do Urubu

de47197475943f65b8890285981920fa.PNG Inspirada por Nelson Rodrigues, escritora de Palhoça lança livro de contos

c64875ae6408469efef36af9aa564775.jpeg ViaCatarina recebe mais uma edição da Feira do Artesanato

9570bba7c4646e5c724a73492d325f77.jpeg Produzido em Palhoça, EP de estreia de Yaju está disponível nas principais plataformas digitais

d6d50a1ca4d89a2580356c2c407d6130.jpeg Atletas da FMEC conquistam medalhas no Brasileiro de taekwondo

27e11cacd416c88131ac3f88f6e81065.jpg Copa do Mundo de Amadores contará com dois times de Palhoça

06dcb5028c047a5c6a4971990792762d.jpeg Halterofilismo: Rogério Anderle é campeão no Sul-Brasileiro 2021

b056d29d794b5e1bd70c65f106382a3b.jpg Governador Carlos Moisés abre a 60ª edição dos Jasc e destaca investimentos históricos no esporte

Associativismo ganha força no combate à pandemia

Setor produtivo considera uma conquista o fato do governo de SC incorporar em seus protocolos para atuação dos setores econômicos o conceito de cadeia produtiva, proposto pela Fiesc

a97337730cc8ed78ebe830f30c1d53a4.jpg Foto: DIVULGAÇÃO

O enfrentamento da pandemia de coronavírus voltou a evidenciar a importância do associativismo empresarial, tanto para a defesa do setor industrial, quanto para contribuir com os grandes desafios da sociedade. A avaliação é do presidente da Federação das Indústrias de SC (Fiesc), Mario Cezar de Aguiar, que tem realizado reuniões diárias com representantes do poder público, para apresentar as propostas e demandas do setor, e da indústria, para prestar contas dos trabalhos das entidades da Fiesc e buscar subsídios para os posicionamentos da instituição.

Ele exemplifica com as diversas frentes de atuação das entidades da Fiesc. De um lado, a federação defendeu a implantação de protocolos seguros para a retomada de atividades econômicas, buscando preservar vidas e, ao mesmo tempo, evitando o agravamento do já crítico cenário posto para empresas e trabalhadores com a crise. Nesse sentido, a proposta feita pela Fiesc ao governo do estado, para que a avaliação das atividades fosse feita dentro do conceito de cadeia produtiva foi fundamental, pois evitou que, por exemplo, uma construtora fosse obrigada a parar suas atividades por falta de insumos decorrentes de uma loja de materiais de construção fechada. “O governo foi sensível à proposta, que beneficiou todos os catarinenses”, diz Aguiar.

De outro lado, Sesi e Senai, entidades da Fiesc, têm colaborado com o enfrentamento do coronavírus, por meio de iniciativas como o conserto de respiradores, especificação técnica para produção de equipamentos de proteção, além de serviços de saúde fundamentais neste momento. “Outro exemplo da colaboração do setor empresarial é o Fundo Fera-SC, que já arrecadou mais de R$ 2 milhões”, informa Aguiar, destacando ainda o papel do Observatório Fiesc, que centraliza as informações e ações da Federação, inclusive por meio de uma central de suporte à indústria, que esclarece dúvidas em áreas como a trabalhista e jurídica. Clique aqui e acesse o site do Observatório


Quer participar do grupo do Palhocense no WhatsApp?
Clique no link de acesso!
 



Tags:
Veja também:









Mais vistos

Publicidade

  • ea73bab336bac715f3185463fd7ccc14.jpg