2bcce634871ed1468e7351608bbebb70.jpg Vacinação em SC: Estado distribui doses nesta terça para vacinar adolescentes contra a Covid-19

df6918034d4114166d85ee70d1d48414.jpg Cerca de 4 mil beneficiados do SC Mais Renda ainda não buscaram seus cartões

24ad3550b5edf4882c4dd519fdf7be25.jpeg SC Transplantes registra recuperação em número de doações de órgãos

dbcd3da33f56f29f2f6a7dcf20c532df.jpg Palhoça é a primeira cidade de SC a concluir o programa Salto em 2021

cea913637f9993044e2d593d2c8c58a5.jpeg Professor de Ecologia e Oceanologia aborda exploração de petróleo

5e23d8c4a62a022f340e9d6aa9d81f61.jpeg PBec Brasil completa 11 anos de história no futebol palhocense

e228afe0fbb6efb4982272fb3b076d56.jpeg Tocha se destaca em reestreia do Campeonato Paranaense de BMX

72f487649eea6e06499c8aad717c7939.jpg Rodada do Campeonato Palhocense de Juniores é cancelada por suspeita de Covid-19

fb7c595c0003a6d5a1d67ae4342a585b.jpeg Apostando em jovens talentos, Guarani encerra Série B em quinto lugar

5d4a40de45338ded326da1392547a49a.jpeg Paratleta de Palhoça é homenageada por participação em Tóquio


Motociclista percorre as 295 cidades de SC

Morador da Pinheira, Renato Pereira andou 17.143 quilômetros no projeto SC by MOTO

9138b813c18f1eec80ce61924fc19ee4.jpeg Foto: ARQUIVO PESSOAL

Por: Willian Schütz*

Há alguns anos, o palhocense Renato Pereira transformou seu meio de transporte para o trabalho em um hobby. Curioso, amante de viagens, ele decidiu percorrer todo o estado de Santa Catarina usando sua motocicleta. Assim, o policial civil criou o projeto pessoal SC by MOTO, que foi concluído no final de abril. 

Determinado, o morador da Pinheira conheceu todas as 295 cidades do estado de Santa Catarina. Através das redes sociais, Renato registou fotos de diversas regiões catarinenses, tiradas ao longo do projeto, que começou em abril de 2016. 

Durante o projeto SC by MOTO, foram percorridos aproximadamente 17.143 quilômetros, divididos em 21 etapas. 

Renato diz que cerca de 740 litros de gasolina foram utilizados nos 32 dias viajados, em cinco anos. Viagens que renderam “muitas e muitas histórias e experiências pra contar”. 

Antes mesmo das viagens, a história dele com o motociclismo é antiga. “Eu comprei minha primeira moto quando entrei para a polícia e fui trabalhar em Ituporanga. Para economizar, comprei uma moto. E nos dias em que eu estava de folga, aproveitava para passear pelas cidades”, relata Renato, que, inicialmente, usou uma moto de 150 cilindradas. Com o tempo, ele comprou uma motocicleta de 250 cilindradas.

Um dos objetivos de Renato foi o de “mostrar para as pessoas que a viagem de moto, viagens longas, também são possíveis com motos que não são de altas cilindradas”.

O entusiasta em velocidade também diz que, somente na última etapa, visitou 38 cidades, todas no extremo oeste do estado, percorrendo 2.333 quilômetros.

E sobre as histórias e experiências que chamaram a atenção, Renato diz que se surpreendeu com a riqueza de Santa Catarina: tanto cultural, quanto em relação ao desenvolvimento das cidades. Entre os locais que foram colônias alemãs, italianas ou açorianas, o palhocense passou, conhecendo mais a história e a realidade dessa Santa Catarina vasta e plural.

* Sob a supervisão de Alexandre Bonfim

 

Quer participar do grupo de WhatsApp do Palhocense?

Clique no link de acesso!



Galeria de fotos: 3 fotos
Créditos: ARQUIVO PESSOAL ARQUIVO PESSOAL ARQUIVO PESSOAL
Veja também:









Mais vistos

Publicidade

  • ea73bab336bac715f3185463fd7ccc14.jpg