Beltrano - Edição 715

 

Palhoça e seus problemas existenciais

Minha Santa Piriquita da Cova Funda!! Descobri que em Palhoça tem muita gente com problemas existenciais. O meu amigo Jorge da dona Bilôca está com esse problema e precisa de ajuda. Ele me disse que outro dia foi cozinhar um ovo, mas quando abriu o ovo tinha um pinto dentro. Apavorou e me disse: “Imaginem vocês seu cuzinho com o pinto dentro”. Seria o fim do mundo, claro, se o fim do mundo não fosse de dois em dois anos, a cada eleição! Rá, rá, rá, rá...
Pesquisa Data-Beltrano feita em Palhoça entre os dias 5 a 10 de novembro aponta que 90% dos palhocenses não acreditam em nossos políticos. Os outros 10% são os políticos! Já o Jean Negão e o Jiraya não acreditam em pesquisas quando os nomes deles não são incluídos na pesquisa pelos seus adversários! Rá, rá, rá, rá...
O Antônho do Bidunga me dizia que um dos primeiros políticos do Brasil foi o Prudente de Morais, mas daí pra frente só tem aparecido políticos imprudentes e imorais! Tanto que estão pensando em mudar o nome de Brasília para Quadrilia! Não é pra menos que ladrão que rouba ladrão vive no Distrito Federal ou na Cidade Maravilhosa! Ele me disse que estava trabalhando na casa de um político que, dias desses, foi julgado em segunda instância por corrupção. O patrão aguardava nervosamente o veredito do juiz em sua casa, quando, de repente, tocou o telefone e o advogado encarregado da defesa disse, sem esconder a euforia:
- Doutor, finalmente a Justiça foi feita!
- Então, vamos apelar e falar com os ministros do STF - emendou o safado.
Mas chega de papo-cabeça, voltemos à realidade! Notícias rápidas e rasteiras: 

Um vereador de Palhoça foi contar para um médico do posto de saúde central que quebrou o braço em dois lugares! Ele nem titubeou e mandou o vereador parar de ir nesses lugares! 
O Anestor Denoni, superintendente do nosso meio ambiente, declara com toda veemência: “Se os mosquitos entrarem em extinção, vai ser o fim da picada”.
O Cabeção, há um mês, está empenhado no projeto “Transformação”. Ele me revelou que já dá pra perceber mudanças em seu corpo: seus pés estão cheio de calos de tanto caminhar! Rá, rá, rá, rá... 
Por fim, um momento de reflexão para quem quer ser candidato a prefeito: os problemas em uma eleição são como os de um tarado bem dotado: melhor encarar de frente, porque, se der as costas, a coisa vai ficar preta!

Mas veja só:
Os políticos se agitam, na maior fissuração. Vai começar a caçada às bruxas, em mais uma eleição. 
Vai começar o compra-compra, o vota-vota e o paga-paga. Só quem tem estômago de avestruz vai suportar tanta praga!
Em Palhoça, os candidatos me parecem cabra-cega, e o cabo eleitoral, o seu facho não sossega. Vão negociar nosso voto, nos chamando de colega!
Temos candidato a prefeito que já caiu na mesmice. Diz que é candidato a prefeito, mas o que quer mesmo é ser vice!
Até porque, pra prefeito, eu só vejo bajulice; quem no passado deu pro Ronério, agora quer dar pra dona Dirce! 
A coisa anda confusa, é grande a enrolação; tem quem quer dar para o Fabinho, pensando em dar pro Jean Negão!
O PP se agiliza, no Fabinho faz aposta, mas quer o Toninho de volta, pra carregar o partido nas costas! 
Tem quem defenda Palhoça, dizendo querer seu bem, por isso diz que só vai dar se for pro vereador Neném!
Também tem quem quer dar para Palhoça outras opções, por isso defende a candidatura do jornalista Sérgio Guimarães!
E assim, pra eleição, os partidos vão dando o tom; tem quem vai dar pro Luciano, querendo dar pro Ivon! 
O Luciano está bem e não quer fazer besteira, mas se pretende sair pelo Pros, terá que bater no “Madeira”! 
O Ivon está indeciso, até com nó na garganta: se o Bolsonaro for para o DEM, terá que abraçar o Pitanta! 
O DEM aqui em Palhoça está quase no fundo do poço; com o Bolsonaro no DEM, o Pitanta salva seu pescoço!
Também falam as más línguas, sem fazer muito mistério: se o Moisés for para o MDB, o Ivon pode precisar do Ronério!
Para quem esperava mudança, o Ivon está pulando miudinho depois que o Bolsonaro encarnou o Menino Maluquinho!
A sucessão na Prefeitura continua um sigilo; ninguém sabe, até agora, quem é o candidato do Camilo! 
Há quem diga por aí que a escolha vai ser feita num ginásio, onde vão disputar a Prefeitura, o Luizinho, o Marcelo Fett ou o Gervásio. 
Eu ainda não acredito, acho que não chegou a hora, ainda temos identidade, pra não precisar de “gabiru de fora”. 
Vou aqui me despedindo, sentindo uma dor profunda; espero que na próxima eleição, pensem em Palhoça e não coloquem em nossa bunda!



Publicado em 14/11/2019 - por Beltrano

btn_google.png btn_twitter.png btn_facebook.png








Autor deste artigo


Mais vistos

Publicidade

  • Banner-310x260.gif