Boca Maldita - Edição 786

A Boca Maldita é Sua...

Ronério Heiderscheidt, ex-prefeito de Palhoça: “Indo ao Banco do Brasil da Ponte de Imaruim, fui surpreendido negativamente pela triste notícia de que na próxima sexta-feira (9) a agência estará fechando suas portas, encerrando as atividades no maior bairro da nossa cidade. Em 2005, quando ainda era o Besc, também ameaçaram fechar as portas. Atendendo a fortes reivindicações da sociedade organizada, comércios, serviços e indústrias, conseguimos, 16 anos atrás, na condição de prefeito municipal, convencer a presidência do banco a não fechar as portas, o que perdurou até os dias de hoje. O que mais nos surpreende é decidir fechar num período de pandemia da Covid em pleno crescimento, pura falta de bom senso!”. 

 

Vigias se reúnem com o prefeito

Associação de vigilantes esteve reunida com o prefeito Eduardo Freccia e com o secretário de Turismo, Júnior Secco, na segunda-feira (5), onde trataram de assuntos de interesse da categoria. Na oportunidade, a associação apresentou o projeto da Guarda Patrimonial, que prevê vigilância em instalações, mobiliários e equipamentos públicos. A ideia é proteger o patrimônio e prevenir atos de vandalismo em escolas, unidades de saúde, praças, parques, jardins, cemitérios, mercados públicos, monumentos, repartições públicas, etc. Os membros da associação agradecem pela atenção dada pelo prefeito e pelo secretário.


Cachorro na praia

O morador da Pinheira Renato Flores pede à Prefeitura que coloque, na praia, placas como esta, instalada na Ponta do Papagaio, indicando a proibição de cachorros na orla. Diz ele que, na Ponta do Papagaio, transita, em média, um cachorro para cada cinco pessoas; já na Pinheira, seriam cinco cachorros para cada pessoa. 


Esgoto na rua


A rua Saul Brandalise, que fica no Jardim Aquárius, próxima ao ginásio do Sesc, está com esgoto vazando há algum tempo. Moradores reclamam que muitos carros passam rápido demais pela via e acabam jogando a água do esgoto em quem passa na calçada. Isso sem falar no número de buracos na via. Os moradores pedem uma atenção da Prefeitura, será que dá?!

 

Minha escola, meu tormento

Tem pais comendo o pão que o diabo amassou para manter seus filhos na escola. Um pai me escreve dizendo: “Meus filhos não estão indo para a escola presencial, optei por pegar atividades impressas na secretaria da escola. Então, já começaram tarde a dar a primeira atividade impressa, que foi marcada para o dia 18 de março e foi cancelada, tendo sido remarcada para uma semana depois. As atividades que deram, na verdade, foram apenas uma apresentação da escola polo. Foram entregues aos pais só três a quatro folhas”.
Segundo ele, é muita desorganização. Ele pede para que a Secretaria de Educação contrate professores para a escola polo e organize o atendimento de entrega das atividades.


Lamaçal

Outra situação insustentável é a da rua Helena Krauser Duarte com a rua Oriano Marinho, na Praia de Fora. Andar por ela sem se atolar é impossível. Moradores pedem providências, quase como um pedido de socorro!

 

Nem tudo são flores no Jardins

A imagem mostra o que os moradores do loteamento Jardins precisam enfrentar diariamente para chegar até a geral do bairro Bela Vista. Além da fila interminável, a via encontra-se com muitos buracos.


O que Dizem e Eu Não Afirmo...
QUE a governadora em exercício, Daniela Reinehr, cancelou as nomeações feitas pelo governador afastado Carlos Moisés, às vésperas de deixar o palácio, desagradando os deputados da Assembleia. 
QUE se a licitação das lixeiras (contêiner) foi cancelada, como informou o Observatório Social, por que as lixeiras continuam sendo usadas pela Prefeitura? 



Publicado em 08/04/2021 - por Joao Jose da Silva

btn_google.png btn_twitter.png btn_facebook.png








Autor deste artigo


Mais vistos

Publicidade

  • ea73bab336bac715f3185463fd7ccc14.jpg