Polícia realiza 11 prisões preventivas

Duplo homicídio ocorreu no dia 19 de julho do ano passado. Por volta das 23h, as vítimas, dois jovens de 17 e 21 anos, foram encontrados sem vida em via pública

942d97f296759e65feba2856b422e156.jpg Foto: Reprodução internet.

Por: Hillary Marcos*

 

Na manhã da última terça-feira (19), a Polícia Civil de Palhoça finalizou inquérito sobre um duplo homicídio ocorrido em julho de 2020, no bairro Aririú. A Justiça decretou onze prisões preventivas, após receber o relatório elaborado pela Divisão de Investigação Criminal (DIC). Foram apurados o duplo homicídio e a organização criminosa, e convertidas as prisões temporárias já decretadas em prisões preventivas pela Justiça.

O duplo homicídio ocorreu no dia 19 de julho do ano passado. Por volta das 23h, as vítimas, dois jovens de 17 e 21 anos, foram encontrados sem vida em via pública, apresentando sinais de disparos de arma de fogo. As investigações resultaram na Operação Enigma, realizada em 19 de novembro, onde ficou demonstrado que os crimes investigados foram planejados e executados por suspeitos de serem ligados à uma organização criminosa, que atua dentro e fora dos presídios catarinenses. Os presos permanecem à disposição da Justiça.

 

*Sob a supervisão de Alexandre Bonfim

 

Quer participar do grupo de WhatsApp do Palhocense?

Clique no link de acesso!

 



Veja também:









Mais vistos

Publicidade

  • ea73bab336bac715f3185463fd7ccc14.jpg