MP vai pedir explicações sobre obras atrasadas

Deputado questiona situações em escolas de Palhoça

42df56e7466af95f938231d612f0f9aa.jpg Foto: DIVULGAÇÃO

As denúncias apresentadas pelo deputado Bruno Souza (Novo) ao Ministério Público de Santa Catarina (MP/SC) sobre possíveis irregularidades em contratos firmados pela Secretaria de Estado de Educação (SED) para a execução de obras destinadas ao Complexo Esportivo da Escola Estadual Básica Governador Ivo Silveira (Centro) e à Escola de Ensino Médio Ângelo Cascaes Tancredo (escola no modelo cívico-militar, no Bela Vista), foram convertidas em Inquérito Civil. Uma diligência externa foi emitida à SED para apresentação de documentos, para que o MP/SC se posicione nos próximos dias. “O Ministério Público viu indícios de dano ao erário o que prova que estamos no caminho certo para encontrarmos os responsáveis pelo dinheiro do pagador de impostos jogado na lata do lixo”, afirma o deputado.

A SED informa que não foi notificada sobre denúncias em relação às escolas de Palhoça. A secretaria garante, ainda, que a Escola de Ensino Médio Ângelo Cascaes Tancredo encontra-se em fase de finalização das obras para receber os alunos no início do ano letivo de 2020, que se inicia em 6 de fevereiro. 



Tags:
Veja também:









Mais vistos

Publicidade

  • ea73bab336bac715f3185463fd7ccc14.jpg