Obra da Prefeitura atrapalha comerciantes

Calçada está sendo reformada na avenida Rio Branco, impedindo acesso de veículos aos estacionamentos

e8ef257c278f4d08eb8b49355ad89db6.jpeg Foto: DIVULGAÇÃO

Comerciantes do Centro de Palhoça reclamam de uma obra da Prefeitura, que iniciou uma reforma na calçada da avenida Barão do Rio Branco, na última segunda-feira (11). A questão é que, com a obra, os carros dos clientes não têm acesso ao estacionamento dos estabelecimentos.

A reforma está sendo feita em trecho da Rio Branco que fica entre as ruas Coronel Bernardino Machado e Emeline Scheidt. “A Prefeitura Municipal de Palhoça está acabando com o pouco que temos de estacionamento. Estão fazendo aqui na frente do nosso comércio meio-fio altíssimo, que não podemos nem entrar para descarregar mercadorias na loja”, lamenta a comerciante Fernanda Assis Silveira. “Isso é um absurdo, pagamos impostos altíssimos e agora, quem vai pagar tudo isso? Já estamos em meio a uma pandemia, em que tudo está parado, agora com mais essa vai ficar horrível”, acrescenta.

A opinião é partilhada por outros comerciantes locais. Rafael Oliveira, que também teve seu comércio afetado pela obra, relata que já na segunda-feira foi erguido o meio-fio a uma altura que impede a passagem de automóveis, e nesta quarta-feira (13), foi concretado todo o cordão. “Agora eles deram o xeque-mate de que não vão rebaixar para a entrada dos carros, não querem mais carros ali”, reclama o comerciante. “É uma vergonha. O movimento já está fraco, pessoas sem condições, lojas e lojistas indo à falência, e a Prefeitura realizando obra em meio a uma pandemia, e obras que conseguem fazer com que lojistas acabem fechando”, projeta.

O jornal Palhocense enviou um pedido de explicações à Prefeitura, mas nenhuma resposta foi enviada.



Tags:
Veja também:









Mais vistos

Publicidade

  • ea73bab336bac715f3185463fd7ccc14.jpg