Editorial - Edição 770

Se você pudesse voltar no tempo e encontrasse você mesmo em 31 de dezembro de 2019. O que você diria dessa versão mais jovem de você? Certamente, ela estava cheia de esperança. Haviam dito que 2020 seria um ano de grandes avanços em todas as áreas. Os números diziam isso. Havia uma expectativa grande no ar.

Pois bem, janeiro veio, passou o Carnaval e dali em diante todos sabemos o que passamos. Está tudo muito recente, ainda. Precisamos respeitar a dor de todos os que perderam amigos e familiares queridos para esta pandemia. Estamos tentando remar para longe do olho do furacão – nada fácil, sabemos!

Nossa versão 31 de dezembro de 2020 talvez não seja mais tão ingênua. Mas somos, certamente, mais fortes e testados. O ouro se purifica no fogo e este ano, caros leitores, foi mesmo fogo!

Mas não deixemos nos contagiar por qualquer prognóstico negativista. Sejamos, sim, mais realistas. Sabendo que a expectativa em demasia pode criar grandes frustrações. Sem esperar muito, o que vier será um lindo presente.

O nosso presente, para você, é esta edição especial de Natal. Ela foi feita com carinho e esmero por toda a equipe de colaboradores e anunciantes, que permitem com que você se informe sobre o que acontece em sua aldeia local.

Não espere previsões para o futuro nas próximas páginas. Mas acolha o presente e conheça também um pouco de nosso passado. Essa pode ser uma boa dica para um ano novo cheio de boas notícias!



Publicado em 17/12/2020 - por Palhocense

btn_google.png btn_twitter.png btn_facebook.png








Autor deste artigo


Mais vistos

Publicidade

  • ea73bab336bac715f3185463fd7ccc14.jpg