709613614bcb2725cdaa5ef145969577.jpeg Palhoça participará da 36ª Feira Catarinense de Matemática

f90f3a05155a04f34e156874fdef6efe.jpeg Governador sanciona lei que cria nova Polícia Penal e o Estatuto que a rege

c2abafaee81eeb2b9636708c0e29f559.jpeg Brasil Atacadista de Palhoça comemora Halloween na pista de patinação

113e618973b8ebd17fca0d7d47a14e83.jpeg Pescadores de Palhoça terão ajuda para fazer recadastramento nacional

290414776c163caecd307988082d2124.jpeg Começa a pré-produção de “Ferrolho”, filme ambientado na Pinheira

7af56a643841db6a9098b402f3cb2d62.jpeg Irmão falecido há 18 anos assina letra de "Dilema", música de Guilherme Stingler

fd67d75723bfe78bda89f51eaf466587.jpeg Judoca se prepara para representar Palhoça nos Jogos Escolares Brasileiros

52b0d7288e387bb75af6dcd071294308.jpeg Atletas de Palhoça ganham medalhas na Copa Desterro de Jiu-jitsu Profissional

4591eb7458e13b72850d0266561322bb.jpeg Jovens atletas representam Palhoça em competições estaduais

b1389c69ecc88f51f017f24a6510b6da.jpeg Judoca criado dentro do programa Palhoça Esportiva é campeão estudantil

678354f0c4a3c4a0a66e5acc0f97f463.PNG PBec Brasil vence primeira partida oficial como clube profissional


Palavra do Leitor - Edição 810

Novo posto de salva-vidas
O poder público não encara com bons olhos as críticas. Eu encaro como construtivas. É verdadeiramente impossível o poder público estar em todos os lugares - cabe à população informar os pontos críticos. Assim, também com os elogios. Quero agradecer à Prefeitura ou os bombeiros (não tem placa na obra) pela finalização do posto de salva-vidas na rua 11, na Praia da Pinheira. Uma excelente obra para dar condições de trabalho àqueles que nos protegem.

Renato Flores 
(Por E-mail)


Tração animal
O resultado da enquete sobre se "você é a favor da proibição da tração animal em Palhoça", publicado no Palhocense de 02 de setembro, mostra que a maioria respondeu sim. 70% dos palhocenses são a favor da proibição da tração animal na sua cidade. Na página 12 da mesma edição, na reportagem "Quintino e a causa animal", lemos que o vereador do partido político "Podemos" 'vem se dedicando à causa animal em Palhoça'. Por bem que há representantes do povo, das pessoas, que estão mais preocupados com o problema da "tração humana", o qual já presenciamos mais em nossa cidade do que a tração animal entre os catadores do lixo que os "cidadãos desovam" nas calçadas! Pergunto: os humanos que fazem a "tração animal" também serão beneficiados com os "cavalos de lata"? Conforme o texto do projeto que tramita na Câmara Municipal, os animais já não poderão mais ser utilizados para qualquer tipo de transporte no município, 'somente poderão ser utilizados na prática de hipismo, equoterapia, cavalgadas, eventos oficiais de cunho religioso ou folclórico e demais atividades que deem destaque à integração, ao turismo e ao lazer' (PL 0117/2021). Na redes sociais, o vereador palhocense referenda: 'deixo claro que o meu projeto de lei não proíbe a atividade que hoje eles (os catadores de lixo) praticam, e sim a utilização do cavalo para esse fim'. 
Lastimável o uso do nosso dinheiro público sendo gasto para pagar o salário de vereador que coloca os animais acima do ser humano. Lembra a folclórica fala do general da ditadura instaurada no Brasil em 1964: "prefiro cheiro de cavalo a cheiro de povo". J.Weber

Jucélia Weber  
(Por e-mail)



Publicado em 23/09/2021 - por Palhocense

btn_google.png btn_twitter.png btn_facebook.png








Autor deste artigo


Mais vistos

Publicidade

  • ea73bab336bac715f3185463fd7ccc14.jpg