Calçamento na Nelson Schutz: promessa de anos

Alagamentos constantes e buracos na via prejudicam a vida de moradores; a avenida é um ponto de acesso à BR-282

fca2941f7cdce65c12571d396598d181.jpg Foto: DIVULGAÇÃO

Há pelo menos 10 anos, petições de moradores e indicações na Câmara de Vereadores são feitas para que as obras na avenida Nelson Baltazar Schutz, no Aririú, tenham finalmente um ponto final. Segundo leitores do Palhocense, a urgência se dá pela relevância comunitária da via, já que apresenta uma importante ligação para a BR-282, servindo de trânsito para moradores do bairro e residentes do próprio loteamento Schutz, onde empresas também estão alojadas. Apenas 300 metros de calçamento foram feitos em três meses, de acordo com os munícipes.

Embora cinco indicações de pavimentação tenham sido solicitadas só em 2020, segundo dados levantados no site da Câmara Municipal de Palhoça, comentários mostram que o problema acompanha a comunidade há anos. “Eu tenho um prédio ali que foi construído em 2010. Começaram essa avenida e até hoje não acabaram”, afirma um popular. Para ele, a finalização da via deveria ser uma prioridade do Poder Público municipal: “Eu tenho visto obras a todo canto de Palhoça, asfaltando rua que tinha um excelente calçamento, gastando o dinheiro da Prefeitura”. A avenida foi considerada via pública em 2006, a partir da Lei Municipal 2453.

Os moradores contam que, em dias de chuva, a estrada fica intransitável, por conta do alagamento intenso; já nos dias ensolarados, são os buracos no chão que predominam. “Tem que fazer calçamento. Foi prometido pelos prefeitos Ronério e Camilo, mas ainda não está pronto, né? Ano de eleição, será que acaba isso?”, o empresário questiona, em vídeo. De acordo com o leitor, em três meses, apenas 300 metros de calçamento foram feitos.

 

Solicitações antigas

Faz tempo que palhocenses se mobilizam para pressionar a Prefeitura na conclusão das obras na avenida. Na coluna “Palavra do Leitor” do mês de março, por exemplo, um popular apresentou um panorama a respeito do loteamento Schutz, levantando melhorias que teriam acontecido, e ressaltando o que ainda precisava ser feito nas vias. A rua Nelson Baltazar Schutz, no entanto, seguia sendo alvo de críticas: “Ainda não teve uma lajota colocada”. 

 

Contraponto

A Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Saneamento, afirma que o projeto para a pavimentação da avenida Nelson Baltazar Schutz existe, porém, o município aguarda recursos para poder executá-lo. A secretaria lembra, ainda, que precisa aguardar a conclusão das obras em andamento, que já tinham recursos vinculados antes da pandemia do novo coronavírus, e “que não poderiam ser usadas para a saúde, por exemplo”. 


Quer participar do grupo do Palhocense no WhatsApp?
Clique no link de acesso!
 



Tags:
Veja também:









Mais vistos

Publicidade

  • ea73bab336bac715f3185463fd7ccc14.jpg