Campanha “Calor no Coração” é lançada

Na edição de 2019, foram arrecadadas mais de 9 mil peças

3d736c9ffbec4142603196e41defd757.jpg Foto: REPRODUÇÃO/INTERNET

Por: Sofia Mayer*

 

O frio chegou e, com ele, mais uma edição da campanha “Calor no Coração” é lançada. A ação, que já é tradicional no município, é realizada pelo jornal Palavra Palhocense, juntamente com o Shopping ViaCatarina, e busca arrecadar roupas, cobertores e calçados em bom estado para palhocenses em situação de vulnerabilidade social. A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) de Palhoça, a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e a Associação Empresarial de Palhoça (Acip) completam o time de apoiadores do projeto.

Neste ano, as doações serão destinadas à Associação Evangélica Beneficente de Assistência Social (Aebas), que atende 70 famílias na comunidade do Frei Damião, em Palhoça. As coletas começam nesta quinta-feira (4), e devem se estender até final de julho. 

Por conta dos efeitos causados pela pandemia do novo coronavírus, a expectativa é a de que as contribuições superem a marca de 2019, quando 9 mil peças foram arrecadadas. “Tem bastante gente precisando, e o shopping pode ser um ponto de arrecadação bem legal”, comenta Janio Bezerra, superintendente do ViaCatarina.
Uma mudança deste ano foi a saída do Grupo Abelhas Operárias, organização não governamental (ONG) que, desde a primeira edição, fazia o recebimento, separação e entrega dos materiais. “Como eles fazem parte do grupo de risco, não estão trabalhando. Então, a Aebas ficou responsável por esse ponto final”, explica o editor-chefe do jornal Palavra Palhocense, Alexandre João Bonfim da Silva.

No Frei Damião, comunidade atendida pela Aebas, grande parte das famílias é composta por profissionais autônomos, principalmente do ramo da reciclagem, que ficaram impedidos de sair às ruas para trabalhar, por conta das medidas de distanciamento social adotadas no estado. “Com certeza, aquecer essas famílias, neste momento, é mais um gesto de empatia que a cidade de Palhoça demonstra com a comunidade”, afirma Vanessa Landgraf Manoel, coordenadora de Núcleo da Aebas em Palhoça. A associação atende, hoje, cerca de 300 munícipes.

A coordenadora explica que as ações solidárias são ainda mais importantes em meio ao cenário de crise: “O olhar atento a todas as demandas dessas famílias se faz extremamente necessário e emergente, e a campanha Calor no Coração vem ao encontro dessa proposta. Por isso, nosso muito obrigada ao jornal Palhocense e aos outros parceiros que têm apoiado a causa”.

Barbara Cidral de Souza é presidente da Comissão de Direitos Sociais da OAB de Palhoça, uma das instituições apoiadoras, e também fala sobre a relevância do projeto: “Nossa categoria está preocupada com as consequências do isolamento e da insuficiência de renda dos mais vulneráveis. E com o frio, as dificuldades só aumentam. Nesse norte, o mínimo que podemos fazer é nos esforçarmos para alcançar o maior número de doações possível e, assim, termos condições de auxiliar diversas famílias da comunidade Frei Damião”.

Na onda das ações de conscientização, a executiva da CDL de Palhoça, Karen Medeiros, conta que todos os colaboradores se engajaram na campanha, antes mesmo de receberem as contribuições dos associados. “Já enchemos a caixa com doações de nossos colaboradores. Buscamos sempre incentivar a empatia ao próximo, e neste ano não será diferente”, afirma. Medeiros lembra que, apesar da pandemia, a situação de vulnerabilidade sempre foi marcante no Frei Damião. “E com essa grande ação, que já virou uma tradição no município, faremos a diferença na vida de muitas pessoas”, conclui.

Desde 2017, a campanha deixou de ser uma iniciativa de apenas algumas instituições, se tornando um esforço de todos os palhocenses. Só no ano passado, a campanha arrecadou cerca de 9 mil peças.


Pontos de coleta

Nesta semana, as caixas, para recebimento de doações, poderão ser encontradas no ViaCatarina (a partir desta sexta-feira (5)), CDL, Acip, OAB e Via Placas, no Centro de Palhoça. Pontos de coleta em outros bairros serão divulgados nos próximos dias.

 

* Sob a supervisão de Luciano Smanioto

 

Quer participar do grupo do Palhocense no WhatsApp?
Clique no link de acesso!
 

 



Tags:
Veja também:









Mais vistos

Publicidade

  • ea73bab336bac715f3185463fd7ccc14.jpg