Ima faz recolhimento de lâmpadas e embalagens

Ação faz parte do programa Penso, Logo Destino

ba773d7d3fb664aa9ba53728d833aa73.jpeg Foto: DIVULGAÇÃO/IMA

O Instituto do Meio Ambiente do Estado de Santa Catarina (IMA), por meio da Coordenadoria Regional da Grande Florianópolis, realizou, nesta terça-feira (28), a segunda etapa de recolhimento do programa Penso, Logo Destino, com a coleta de lâmpadas e embalagens de óleo lubrificante, itens da logística reversa. Além de Angelina e Águas Mornas, municípios pilotos do projeto, foram recolhidos também materiais de outras quatro cidades da região: Anitápolis, Rancho Queimado, São Bonifácio e São Pedro.

Ao todo, foram coletados 5.860 lâmpadas e 83 quilos de recipientes de óleo lubrificante. O material foi encaminhado para o estado do Paraná nas empresas Mega Reciclagem (lâmpadas) e Jogue Limpo (embalagens), completando assim o ciclo da logística reversa.

O vidro da lâmpada leva 10 mil anos para se decompor, após depositado na natureza. Além disso, contém substâncias tóxicas, como o mercúrio, que podem afetar significativamente o meio ambiente e a saúde da população. Já a decomposição das embalagens plásticas, como as de óleo lubrificante, pode levar até 450 anos. Por isso, a importância de retirar este material do meio ambiente e dar a destinação ambientalmente correta.

A população pode colaborar com a iniciativa entregando este material onde há pontos específicos para que o mesmo tenha a destinação mais adequada.

 

Programa Penso, Logo Destino

O programa Penso, Logo Destino tem por finalidade a conscientização e o envolvimento de todos os catarinenses para o descarte correto dos resíduos sólidos, tornando Santa Catarina o primeiro estado brasileiro a fazer a articulação da logística reversa. Para isso, atua como o mediador entre os comerciantes, administração municipal e população para o descarte adequado dos resíduos, e as entidades gestoras que realizam a coleta do material recolhido.

O programa Penso, Logo Destino, idealizado pela Coordenadoria Regional do IMA em Florianópolis, será executado em três etapas: logística reversa, reciclagem e resíduos orgânicos. A intenção é a de que, após o desenvolvimento das três fases do projeto, Santa Catarina seja o estado brasileiro que mais recicla e reutiliza e o que menos produz resíduo.


Quer participar do grupo do Palhocense no WhatsApp?
Clique no link de acesso!
 



Tags:
Veja também:









Mais vistos

Publicidade

  • ea73bab336bac715f3185463fd7ccc14.jpg