Moradores amenizam problemas de rua "no braço"

Sem apoio da Prefeitura, eles conseguiram brita corrida com um vereador e espalharam, eles próprios, o material pela rua José Medeiros Filho

4b7005201badb26c8889fabc2cc883be.jpeg Foto: DIVULGAÇÃO

Texto: Isonyane Iris


"É de dar nojo a falta de providências da Prefeitura com relação à rua José Medeiros Filho, na Passagem do Maciambu. O IPTU está pago, mas o que adianta se qualquer chuva nós ficamos completamente ilhados?", questiona o morador Atanásio Melo, que junto com outros moradores tem cuidado da rua com as próprias mãos.

A chuva da última semana, mais uma vez, deixou muito morador sem sair de casa. Isso sem contar as crianças e trabalhadores que, mesmo com a rua alagada, eram obrigados a passar, e para isso atravessavam descalços, com os sapatos nas mãos. "Cena mais triste do mundo. Todo mundo descalço, com os sapatos nas mãos, andando pela água. Depois que passavam, secavam o pé e então colocavam os sapatos. Se é para viver assim, então do que adianta pagar IPTU? Se o dinheiro que a gente paga todo ano nós tivéssemos juntado, já teríamos arrumado a rua inteira e ainda feito tubulação", acredita seu Atanásio.

Sem maquinário para auxiliar, os moradores espalharam o material que ganharam para amenizar a situação da rua "no braço", um esforço que eles acreditam que deveria ser papel da Prefeitura. "Depois de mostrar nossa situação para conseguir sair de casa, o vereador Marquinho nos mandou brita corrida, então, com a ajuda de alguns moradores, nós espalhamos tudo no braço. Pois uma patrola da Prefeitura veio na nossa rua, o motorista olhou a gente trabalhando e sequer nos ofereceu para espalhar. Isso é uma vergonha, que descaso com a população", relata seu Atanásio, indignado.

Muita água da última chuva ficou acumulada na rua. Tanto que várias residências tiveram água nas suas portas. "Além de ninguém conseguir sair de casa, deu mais de meia roda de carro a altura da água na rua. Alagou tudo, chegou água nas garagens e até nas portas das casas. Se chovesse mais um pouquinho, a água entrava nas casas. Se isso acontecer e alguém perder alguma coisa, pode ter certeza que vamos colocar tudo na porta da Prefeitura. Eles precisam ver o que a falta de providências está fazendo", garante o morador.

A Secretaria de Serviços Públicos (Sesp) garante que está realizando obras de manutenção na rua citada e em outras na mesma região. Os trabalhos serão concluídos até sexta-feira (5), promete a secretaria.



Tags:
Veja também:









Mais vistos

Publicidade

  • Banner-310x260.gif