f8cd4f6b92c2fc70f0e82ac7e1a42880.jpg Vacinação em SC: estado ultrapassa 5 milhões de pessoas com esquema vacinal completo

1069b9477a3a0d2f867498dc62b62e0e.jpeg Campanha quer melhorar autoestima de mulheres em situação de vulnerabilidade

5f9a9fdb32314194b4a64723f76fca64.jpeg Membros da comunidade se mobilizam para preservar vegetação na Pedra do Urubu

de47197475943f65b8890285981920fa.PNG Inspirada por Nelson Rodrigues, escritora de Palhoça lança livro de contos

c64875ae6408469efef36af9aa564775.jpeg ViaCatarina recebe mais uma edição da Feira do Artesanato

9570bba7c4646e5c724a73492d325f77.jpeg Produzido em Palhoça, EP de estreia de Yaju está disponível nas principais plataformas digitais

d6d50a1ca4d89a2580356c2c407d6130.jpeg Atletas da FMEC conquistam medalhas no Brasileiro de taekwondo

27e11cacd416c88131ac3f88f6e81065.jpg Copa do Mundo de Amadores contará com dois times de Palhoça

06dcb5028c047a5c6a4971990792762d.jpeg Halterofilismo: Rogério Anderle é campeão no Sul-Brasileiro 2021

b056d29d794b5e1bd70c65f106382a3b.jpg Governador Carlos Moisés abre a 60ª edição dos Jasc e destaca investimentos históricos no esporte

Cartão Rosa - Edição 806

Leonardo Adão, que trabalha no RH de nossa Prefeitura e mora na Ponte do Imaruim, acredita em novas conquistas do seu Palmeiras, ainda neste ano


Jeitinho brasileiro
Todos nós sabemos da nova regra imposta pela CBF: qualquer clube só poderá demitir apenas um treinador ao longo do Brasileirão 2021. Caso esse clube venha a demitir o "professor", só poderá inscrever mais um durante a competição; e se o segundo contratado for mandado embora, o novo treinador deverá ser um profissional que já trabalhe na comissão técnica. Só que um clube poderá contratar outro técnico caso o atual peça demissão, e é o que mais está acontecendo. Esse é o novo "jeitinho" brasileiro.


Profissional competente
Jogador de futebol, quando quer derrubar o treinador, não tem quem aguente. E foi o que aconteceu com o competente Hemerson Maria, que ficou apenas 12 dias no comando do Vila Nova. A falta de respaldo e de comprometimento por parte do elenco do time goiano fez com que o catarinense pedisse as contas. Alguns jogadores questionaram até a programação de treinamentos. É por essas e outras que o nosso futebol está cada vez pior. Conheço bem Hemerson Maria e sei do profissional competente que é.


Eu presumo
O Brasileirão, nas séries A e B, está quase entrando na segunda fase e muita coisa ainda poderá acontecer. O futebol é um esporte dinâmico, e em três ou quatro rodadas, muita coisa pode mudar na tabela de classificação. Por essa e por outras é que eu acredito que nenhum dos considerados "grandes" do nosso futebol irá cair, e nem os que estão na Segundona brasileira conseguirão o acesso para a elite do futebol brasileiro. Nessa altura dos "certames", é o que eu presumo.

Nova motivação
A vitória do Figueirense pra cima do Mirassol, em território paulista, deu um novo ânimo ao elenco e ao torcedor alvinegro, que começa a acreditar numa possível classificação. Com os três importantes pontos conquistados longe de casa, o clube pula para 19 pontos na tabela, ficando próximo do grupo de classificação. O time agora terá dois confrontos diretos dentro do Scarpelli: o primeiro, contra o Ypiranga-RS, e o segundo, contra o Ituano-SP. É o time ganhando nova motivação nesta Terceirona brasileira.


Viola no saco
E a Chapecoense continua sua via crucis neste Brasileirão. Ainda não sentiu o gostinho de pelo menos uma vitória: já disputou até aqui 48 pontos e conquistou apenas seis; está segurando a lanterna da competição como se não quisesse largar. Com processos correndo na Justiça e dívidas enormes, a realidade é essa. Daqui pra frente, o Verdão do Oeste terá 21 confrontos, o que dá 67 pontos. Pra fugir da degola, a Chapecoense terá que conquistar a vitória em pelo menos 13 desses jogos, o que eu acho muito difícil. É melhor pôr a viola no saco e começar a pensar na Segundona brasileira do ano que vem.


Um grande jogador
O que era pra ser um sonho, parece que está virando um pesadelo para ambas as partes. Além de um grande jogador, Daniel Alves aparenta, em suas redes sociais, ser um cara diversificado. E não são poucos que o seguem: só no Instagram, são mais de 33 milhões de seguidores. Mesmo tendo conquistado a medalha de ouro olímpica no futebol, o clima entre o jogador e o São Paulo vai de mal a pior. Principalmente depois da eliminação decepcionante do Tricolor paulista na Libertadores, diante do Palmeiras, de forma vexatória. Em mais de duas décadas de carreira, Daniel nunca havia sentido o amargo sabor de ser vaiado e xingado pelos seus próprios torcedores. Nem quando começou, no Bahia, ou no Barcelona e em outros clubes mais. A indignação com ele é espantosa. Uma despedida é o mais correto.


Perdendo com o tempo
Por morarmos próximos, eu e minha mãe, de 84 anos, estamos sempre juntos. Agora, ela aderiu aos tempos de internet, com seu Facebook e WhatsApp. Uma coisa é certa: ela marcou a vida de muita gente com aquele seu jeitão de amor ao próximo sem olhar a quem. Seja quem for, ela sempre tem um gesto de carinho pelo próximo. Neste fim de semana, num bom dedo de prosa que tive com ela, minha mãe se disse preocupada com as novas gerações. Ela me disse que muitos fundamentos vêm se perdendo. Como aquele "bom dia", "boa tarde" ou até mesmo um simples "Deus te abençoe". Coisinhas básicas da boa educação que estão se perdendo com o tempo.

 

Pensamento do Bambi
No Japão, o corrupto se mata. Na China, é morto. Na Itália, é preso. No Brasil, ele concorre às eleições.


Bem me quer, mal me quer
O lateral-esquerdo Eltinho, de 34 anos, largou o Juventude-RS para acertar com o Figueirense e irá reforçar o Alvinegro nesta Série C. Com passagem pelo Avaí, Eltinho irá precisar mostrar por que veio ao Figueirense, o mais rápido possível.
Tendo o ex-jogador Romário, hoje senador, como relator do projeto, o Senado Federal aprovou, e de goleada, a Lei do Mandante. Uma vitória pro nosso futebol, colocando um ponto final no monopólio das transmissões. As tetas estão secando aos poucos.
A situação de salários atrasados no Avaí é um cenário complicado que a diretoria já está trabalhando para resolver. O Sindicato dos Atletas Profissionais já se manifestou e, por conta disso, jogadores azurras seguem sem falar com a imprensa.
Por questões financeiras, o Próspera poderá desistir de participar do Catarinão de 2022. Os torcedores do Criciúma estão eufóricos por conta disso, já que o Tigre poderá retornar para a disputa, o que eu acho muito difícil.


Cartão rosa/vermelho

Cartão vermelho para as empresas de transporte coletivo de nossa cidade, que estão fazendo com que os motoristas dos ônibus tenham que acumular a função de cobrador. Quando o motorista se sujeita a essa ideia absurda, isso tira a atenção principal do motorista, que é dirigir, colocando em risco a segurança dos passageiros e até mesmo do nosso conturbado trânsito. Isso é um absurdo.

Cartão rosa para todo o elenco do Avaí, que, mesmo enfrentando, mais uma vez, atrasos em seus salários, está brigando pelo acesso para a elite do futebol brasileiro, com muita valentia. Há que se ressaltar que o clube tem ativos para receber e a falta desses recebimentos está atrapalhando nessa situação. Independente desse contratempo, o que importa é a vontade dos jogadores em campo em busca do objetivo, que é a classificação para a Série A.

 


Comemorar Bodas de Ouro é um momento único. Afinal, são 50 anos de casamento. É uma longa vida. Familiares e amigos comemoraram essa união de Sonia Silva Luz e Nilton da Luz, do Centro de Palhoça, no último mês. A coluna parabeniza este belo casal



Publicado em 26/08/2021 - por Margarida Clésio Moreira dos Santos

btn_google.png btn_twitter.png btn_facebook.png








Autor deste artigo


Mais vistos

Publicidade

  • ea73bab336bac715f3185463fd7ccc14.jpg