f8cd4f6b92c2fc70f0e82ac7e1a42880.jpg Vacinação em SC: estado ultrapassa 5 milhões de pessoas com esquema vacinal completo

1069b9477a3a0d2f867498dc62b62e0e.jpeg Campanha quer melhorar autoestima de mulheres em situação de vulnerabilidade

5f9a9fdb32314194b4a64723f76fca64.jpeg Membros da comunidade se mobilizam para preservar vegetação na Pedra do Urubu

de47197475943f65b8890285981920fa.PNG Inspirada por Nelson Rodrigues, escritora de Palhoça lança livro de contos

c64875ae6408469efef36af9aa564775.jpeg ViaCatarina recebe mais uma edição da Feira do Artesanato

9570bba7c4646e5c724a73492d325f77.jpeg Produzido em Palhoça, EP de estreia de Yaju está disponível nas principais plataformas digitais

d6d50a1ca4d89a2580356c2c407d6130.jpeg Atletas da FMEC conquistam medalhas no Brasileiro de taekwondo

27e11cacd416c88131ac3f88f6e81065.jpg Copa do Mundo de Amadores contará com dois times de Palhoça

06dcb5028c047a5c6a4971990792762d.jpeg Halterofilismo: Rogério Anderle é campeão no Sul-Brasileiro 2021

b056d29d794b5e1bd70c65f106382a3b.jpg Governador Carlos Moisés abre a 60ª edição dos Jasc e destaca investimentos históricos no esporte

Por Dentro do Ringue - Edição 637

Palhoça no UFC?


Depois do sucesso da primeira temporada de “Dana White’s Tuesday Night Contender Series”, o Ultimate optou por fazer não somente a segunda temporada do reality show, como vai dedicar também uma outra exclusivamente para os brasileiros. No Contender Series Brasil serão seis episódios com cinco lutas cada, mas, diferente do que acontece nos Estados Unidos, os combates não serão exibidos ao vivo. As gravações acontecerão nos dias 8, 9, 10 e 11 de agosto e a expectativa é de que os programas sejam exibidos em setembro. Palhoça conta com uma representante atleta do município e conhecida pelo público local. Gisele Moreira é faixa preta de jiu-jítsu e, com muitos títulos na modalidade, terá a maior oportunidade da sua carreira, ao lutar na frente do chefão do UFC. Em caso de vitória, pode pintar uma chance no maior evento de MMA do mundo, o UFC. Estamos na torcida por essa grande campeão e representante do povo palhocense. 

Cigano é inocentado no caso de doping e vai voltar ao cage


O que pode ser pior na carreira de um atleta do que cair no doping? Pois bem, quando o atleta faz a contraprova e sai absolvido, ninguém cita uma nota em seu favor. Falo pelos casos dos brasileiros que foram inocentados pela comissão atlética de Nevada. Com a absolvição da Usada (Agência de Antidoping dos EUA), após comprovar a contaminação dos suplementos, Junior Cigano tem data para retornar ao octógono.
Cigano, ex-campeão dos pesados, vai encarar Blagoy Ivanov, na luta principal do UFC Boise, nos Estados Unidos, dia 14 de julho.
A última exibição do brasileiro foi no UFC 211, quando desafiou o campeão Stipe Miocic e perdeu por nocaute técnico no primeiro round. Cigano registra um cartel de 18 vitórias e apenas cinco derrotas, sendo o último triunfo diante de Ben Rothwell, em abril de 2016.
Com passagens pelo Bellator e WSOF - organização na qual conquistou o cinturão dos pesados -, Ivanov vai realizar sua estreia no UFC. O búlgaro tem um cartel de 16 vitórias, uma derrota e um “No Contest”. O revés sofrido foi para Alexander Volkov, em 2014.

Maia assume luta principal no UFC Chile
Quando o UFC precisa de um substituto para uma luta principal não é tarefa fácil para a equipe do evento, que precisa trabalhar com o ranking e tantos outros fatores. Um exemplo acontece com Santiago Ponzinibbio, que se machucou e não vai lutar o UFC Chile, marcado para o dia 19 de maio. Após algumas tentativas com vários atletas que não aceitaram pegar a luta encima da hora, a organização fechou um acordo com Demian Maia. O brasileiro vai fazer a luta principal do evento contra o nigeriano Kamaru Usman. Já existe um acordo verbal entre as duas partes, restando apenas a assinatura do contrato, segundo Maia. Ele é o número cinco dos pesos-meio-médios (até 77kg) e vem de duas derrotas consecutivas, diante de Tyron Woodley, quando disputou o título da categoria, e, a mais recente, contra Colby Covington, em outubro do ano passado.
Usman tem 12 vitórias e uma derrota e ocupa o sétimo lugar na divisão até 77kg. O nigeriano nunca perdeu desde que foi contratado pelo UFC, batendo seus sete oponentes até aqui, incluindo os brasileiros Warlley Alves e Serginho Moraes. Seu último compromisso foi sobre Emil Meek, quando venceu por pontos.



Publicado em 03/05/2018 - por Marcos Maciel

btn_google.png btn_twitter.png btn_facebook.png








Autor deste artigo


Mais vistos

Publicidade

  • ea73bab336bac715f3185463fd7ccc14.jpg