20dc4e7729d5869a8457d2f03bf245f5.jpeg Homem procurado por receptação e com histórico de 143 passagens pela polícia é preso em Palhoça

0ae94ba50602cc9ec46637d50c22ef80.jpg SC lança novo vacinômetro para dar mais transparência na apresentação dos dados

1f9714a46627fa74d71b519e6c54b71e.jpeg Hélio Costa se compromete com demandas de agentes de segurança universitária federal

cfed241412d941950a5e15aa0ad0314e.jpeg Polícia Rodoviária Federal divulga balanço da Operação Nossa Senhora Aparecida

3722eb63d7e4752d367e3dba472592fe.jpeg Banda Soul Cream lança EP de estreia nesta sexta-feira (15)

a09be49357169b0e544a4196beee38ee.jpg Músico Paulo Valério, o “Pevê”, anuncia lançamento do terceiro disco

8ecba6308f36f894407ae4a11b018071.jpeg Rapper palhocense William Luis lança single nesta sexta-feira (8)

eedf3fe739adf982a85ed9a85aad67d6.jpg Musicalidade de Zé Ramalho no Curta o Som do Shopping ViaCatarina nesta sexta

4591eb7458e13b72850d0266561322bb.jpeg Jovens atletas representam Palhoça em competições estaduais

b1389c69ecc88f51f017f24a6510b6da.jpeg Judoca criado dentro do programa Palhoça Esportiva é campeão estudantil

678354f0c4a3c4a0a66e5acc0f97f463.PNG PBec Brasil vence primeira partida oficial como clube profissional

5e23d8c4a62a022f340e9d6aa9d81f61.jpeg PBec Brasil completa 11 anos de história no futebol palhocense

e228afe0fbb6efb4982272fb3b076d56.jpeg Tocha se destaca em reestreia do Campeonato Paranaense de BMX


“Vamos moralizar a administração pública”

Palavra Palhocense entrevista Jonas Santos, pré-candidato a vereador pelo PSL

ff0e211f49334092d0e72762ecbae979.jpeg Foto: DIVULGAÇÃO

Jonas Santos, de 52 anos, é administrador, corretor de imóveis, especialista em avaliação de imóveis e perícias judiciais. Tem atuado ativamente em ações comunitárias desde 1992, com participações em entidades como associação de moradores, Aerp Metropol, Aciesc e Rotary Club. Candidato a vereador em 2008, hoje coloca seu nome novamente à disposição do PSL como pré-candidato a vereador, junto com o grupo liderado pelo coronel Ivon de Souza. “Em 2012, o coronel Ivon foi injustiçado, sendo eleito pelo povo e impossibilitado de assumir, mas agora ele está ainda mais preparado e eu tenho certeza de que, com pessoas do bem, podemos mostrar que Palhoça pode e deve crescer, levando mais qualidade de vida à população”, reflete Jonas.

Jonas acredita que todas as esferas de uma sociedade são muito importantes para a população, e acredita que criar oportunidades de negócios e empregos é uma meta importante a desenvolver no município. O pré-candidato também salienta a situação deficitária da demanda por vagas em creches em Palhoça e o momento difícil pelo qual o Brasil está passando na área da saúde. “A pandemia da Covid-19 mostrou a falta de preparo dos gestores públicos a nível nacional, causando morosidade na solução dos problemas, ocasionando milhares de mortes e demonstrando a profunda falta de respeito com o povo brasileiro, e em Palhoça não foi diferente”, observa. Essas são algumas áreas que devem ter ênfase em seu trabalho como legislador, para que os problemas possam ser sanados “o mais breve possível”.

Jornal Palavra Palhocense – O que te levou a voltar a ser pré-candidato a vereador em Palhoça? 
Jonas Santos – Fui candidato em 2008 e tive a oportunidade de percorrer e visitar centenas de famílias, e através dessas visitas, conhecer de perto toda a realidade de nossa gente. Só quem tem bons princípios é que pode observar as necessidades da população. Enquanto visitava as famílias, pude refletir ainda mais sobre o quanto somos dependentes do Poder Público. Por tudo isso, e principalmente pela possibilidade de compor esse grupo diferenciado com o coronel Ivon, é que mais uma vez estou me colocando à disposição, como pré-candidato a vereador, para poder, junto com a população, fiscalizar de perto o Poder Executivo e cuidar do interesse de toda a população de Palhoça.

JPP – Na sua opinião, qual o papel de um vereador? 
Jonas – Eu entendo que o verdadeiro papel de um legislador deve seguir duas vertentes: a primeira, a de fiscalizar o Poder Executivo, para que os recursos financeiros sejam utilizados de forma transparente e de acordo com a necessidade de todas as esferas de nossa cidade; a segunda é seu dever de votar de forma imparcial os projetos de lei apresentados por seus colegas, sempre levando em consideração a veracidade dos fatos e, acima de tudo, se será benéfico para toda a população.

JPP - O que o levou a escolher o partido do PSL para sair como pré-candidato a vereador em Palhoça? 
Jonas – Fui convidado a participar do projeto de mudança, junto com o coronel Ivon e outras pessoas de caráter e do bem. Eu me identifiquei com as propostas e com as pessoas que estão envolvidas nesse grande projeto. Juntos, com o aval da maioria da população, vamos moralizar a administração pública, respeitando os adversários e mostrando o que realmente é necessário para melhorar a qualidade de vida de nossos munícipes.

JPP – Suas considerações finais, por favor!
Jonas – Primeiramente, agradeço a todos que tiraram um tempinho para ler esta entrevista e assim me conhecer um pouco mais. Aproveito para dizer que precisamos ter consciência na hora de votar: seja fiel ao seu voto, saiba o valor, o poder e, principalmente, a consequência que ele tem! Nosso município precisa e merece moralizar a gestão pública nas próximas eleições. Faça a sua parte, avalie muito a quem você vai atribuir esta responsabilidade e que Deus ilumine e guarde todas as nossas famílias! Um fraterno abraço! 

 

Quer participar do grupo do Palhocense no WhatsApp?
Clique no link de acesso!
 

 



Tags:
Veja também:









Mais vistos

Publicidade

  • ea73bab336bac715f3185463fd7ccc14.jpg