Beltrano - Edição 678

Sem pé e sem cabeça

Beltrano lança o “Dicionário do Beltrano”, para que você, leitor do jornal Palhocense, conheça as mudanças no significado das palavras depois da nova ordem nacional do Bolsonaro.

AÇUCAREIRO - Vendedor de açúcar que vende acima da tabela
BARBICHA - Boteco para gays, afinal, tem um cara aí que diz que é melhor ser ladrão do que ser bicha
DESTILADO - Aquilo que não está do lado de lá: os vereadores que estavam do lado do Pakão e passaram para o lado do Neném na eleição da Câmara, por exemplo
GENITÁLIA - Órgão reprodutor dos italianos 
HOMOSSEXUAL - Sabão utilizado para lavar as partes íntimas
KARMA - Expressão usada pelos antigos da Pinheira para evitar confusão pela falta de atendimento da Prefeitura nas ruas
NOVAMENTE - Diz-se de indivíduos que renovam sua maneira de pensar. Exemplo: deputado Nazareno mentalizando como vai doar o auxílio moradia se não vai receber 
TALENTO - Característica de alguma coisa devagar; diz-se das vagas em creches e escolas do município e para a marcação de exames de saúde
TÍPICA - O que o mosquito nos faz para pegar dengue
VATAPÁ - Ordem dada pelo Camilo ao secretário de Obras Edson Ghizoni

É mole? É mole mais sobe!!
Uma bichinha amiga minha encasquetou que vai ser candidata a prefeita na próxima eleição. Diz que vai disputar com o Alberto Prim e com o Toninho Pagani! Acho que suas chances de se eleger são grandes, já que será a única que vai dar o que promete!
Já o Pedo da dona Nonóca, mais conhecido como “Defunto”, diz que vai entrar na guerra pelos votos para prefeito em 2020. Pelo menos um slogan maneiro ele já tem: “Vote no Defunto, pois político bom é político morto!” Rá, rá, rá, rá...
Por falar em morrer, antigamente, se você estava com problemas de saúde, tomava uma Alicura ou uma Cibalena e seus problemas acabavam! Hoje, o problema da saúde em Santa Catarina nem os 10 mandamentos do Moisés estão dando jeito! Tem tantos problemas na saúde que o Moisés vai ter que dar uma injeção, e ao invés de um basta, vai ter que usar um bastão! Para achar um médico e marcar um exame é uma UTI - última tentativa do indigente! O SUS virou um SUSto! Descobri por que em Palhoça a saúde também é preventiva: é que você tem que marcar a consulta médica para que o médico assine o atestado de óbito! Rá, rá, rá, rá...
O Jorge da dona Bilóca diz que marcou uma consulta na Páscoa do ano passado para fazer o pré-natal do seu caçula. Hoje, o menino é o mais velho dos três bigurrilhos da casa e sua mulher continua na fila! Diz que quis fazer o teste do pezinho nos guris, mas quando chegou o dia marcado, eles estavam na fila para entrar na creche e na escola e não puderam sair de lá! Conclusão: não fizeram o teste do pezinho e não entraram na creche e nem na escola!! Rá, rá, rá, rá...
Outro caso estranho foi o do Juventino do Furadinho. Chegou na UPA há dois anos e marcou uma consulta com um ortopedista, pois estava sentindo uma dorzinha nos ossos das pernas. Na última semana, saiu a consulta. O médico receitou duas próteses para ele! Mas, veja bem, veja bem, veja bem: com três “veja bem”, também tentei marcar um oftalmologista, não deu, vou continuar vendo mal! Rá, rá, rá, rá...
Extra! Extra!! Se por um lado dizem que a fé remove montanhas, por outro, o pessoal da Mineradora Santa Bárbara prefere a dinamite! Como diz o vereador Tavinho: “Na Barra, depois da tempestade, vem a enchente e inunda tudo”. 
Na sexta-feira (8) a mulherada vai comemorar o Dia Internacional da Mulher, que já está com saudades porque a Prefeitura faz tempo que não traz um gogo boy para comemorar a data. Com a chegada do Dia das Mulheres, a gente nota movimento para todos os lados! O movimento dos quadris!
Dia desses, o Juvenal, um amigo meu, estava no Supermercado Rosa, quando seu carrinho de compras se chocou frontalmente com o carrinho de um cara.
Indignado, o Juvenal perguntou pra ele:
- O que é que estás fazendo?!
- Desculpe - disse o cara. É que estou procurando minha mulher!
- Que coincidência, eu também ando à procura da minha! Como é que é a sua mulher? - perguntou o Juvenal ao dito cujo.
Ele respondeu:
- Olhe, é alta, morena, olhos verdes e tem umas pernas bem torneadas, seios muito salientes e lábios carnudos e pintados. Usa um vestido vermelho muito justo e decotado, talvez um bocadinho curto demais pro meu gosto, mas fazer o que, né?! E então, como é a sua? - perguntou ele ao Juvenal.
E o Juvenal respondeu:
- Que se lixe a minha! Vamos procurar a sua!
Mas, trocando de pano pra manga, depois das chuvas da semana passada sobraram reclamações dos buracos das estradas! Eu acho que a comunidade reclama demais da conta! Não pode ver uns buraquinhos que sai abrindo o buraco da boca pra reclamar! Vocês, botocudos, têm que ver que todos nós nascemos por um buraco, respiramos por um buraco, comemos por um buraco, ouvimos por dois buracos, cheiramos por dois buracos, bebemos por um buraco, moramos num buraco, fazemos nossas necessidades fisiológicas por dois buracos e geralmente num buraco... Além do mais, gente, quando morrermos vamos para um buraco! Então, não vejo razão para tanto ódio com alguns buracos em nossas ruas. Vocês reclamam demais! O pessoal do São Sebastião, por exemplo, não deveria reclamar dos buracos de suas ruas! Já esqueceram que viviam numa Cova Funda?! Os moradores da Bela Vista também não podem reclamar, todo mundo sabe que a terra de lá é fraca, e por isso, os buracos. No sul, no Furadinho: você, por acaso, já viu algo furado sem buraco? Se não tivesse buraco não seria o Furadinho, oras bolas! O Passa Vinte reclamar da Prefa por causa dos buracos também é um absurdo. Antigamente, ali só passava vinte, hoje passam milhares, é obrigado a ter buracos, e afinal, é no Passa Vinte que temos nosso cemitério! Buraco é a razão da vida de muita gente! Sem buraco não existiriam empreiteiras, pedreiras, barreiras e nem Secretaria de Obras... Mas não é só de buraco que vive Palhoça, outra coisa que não falta em Palhoça são jardins: Jardim Eldorado, Jardim Aquárius, Jardim Eucalipto, Jardim Laranjeira... Não tem flores, mas tem jardim pra mais de metro! Mas não esquenta não, você sabe que, em Palhoça, o difícil não é nada fácil!
Preciso partir. Esse meu vai e vem toda semana tem me dado nos nervos. Ainda mais porque se meu vai e vem fosse e viesse meu vai e vem ia, mas como meu vai e vem vai e não vem, o meu vai e vem não vai! Entendeu? Nem eu! Kinaba, não?!



Publicado em 28/02/2019 - por Beltrano

btn_google.png btn_twitter.png btn_facebook.png








Autor deste artigo


Mais vistos

Publicidade

  • Banner-310x260.gif