709613614bcb2725cdaa5ef145969577.jpeg Palhoça participará da 36ª Feira Catarinense de Matemática

f90f3a05155a04f34e156874fdef6efe.jpeg Governador sanciona lei que cria nova Polícia Penal e o Estatuto que a rege

c2abafaee81eeb2b9636708c0e29f559.jpeg Brasil Atacadista de Palhoça comemora Halloween na pista de patinação

113e618973b8ebd17fca0d7d47a14e83.jpeg Pescadores de Palhoça terão ajuda para fazer recadastramento nacional

290414776c163caecd307988082d2124.jpeg Começa a pré-produção de “Ferrolho”, filme ambientado na Pinheira

7af56a643841db6a9098b402f3cb2d62.jpeg Irmão falecido há 18 anos assina letra de "Dilema", música de Guilherme Stingler

fd67d75723bfe78bda89f51eaf466587.jpeg Judoca se prepara para representar Palhoça nos Jogos Escolares Brasileiros

52b0d7288e387bb75af6dcd071294308.jpeg Atletas de Palhoça ganham medalhas na Copa Desterro de Jiu-jitsu Profissional

4591eb7458e13b72850d0266561322bb.jpeg Jovens atletas representam Palhoça em competições estaduais

b1389c69ecc88f51f017f24a6510b6da.jpeg Judoca criado dentro do programa Palhoça Esportiva é campeão estudantil

678354f0c4a3c4a0a66e5acc0f97f463.PNG PBec Brasil vence primeira partida oficial como clube profissional


Ricardo Martins abandona o Rally dos Sertões

Atual campeão, piloto palhocense vinha bem na competição, mas sofreu um acidente nesta quarta-feira (18)

337eb9a5bae5a3b0562590f9aa50b54c.jpeg Foto: DIVULGAÇÃO

Por: Willian Schütz*

Ricardo Martins iniciou bem o Rally dos Sertões 2021. Campeão no ano passado, o piloto palhocense finalizou as primeiras etapas beirando as posições de cima da tabela geral. A competição começou no último final de semana e deve seguir até domingo (22). Contudo, a quinta etapa, realizada na quarta-feira (18), foi marcada por um susto: Ricardo sofreu um acidente em uma parte do trajeto. 

Por conta de uma grave queda, Martins acabou fraturando duas costelas e, por isso, teve de ser resgatado por profissionais em um helicóptero e encaminhado ao hospital, para examinar os ferimentos.  

Mas para tranquilizar quem o acompanha, ainda dentro do helicóptero, Ricardo publicou um pequeno vídeo nas redes sociais, afirmando que passava bem, mas precisava averiguar a situação. 

O ocorrido acarretou a quebra de uma série de bons resultados que o palhocense vinha conquistando nos dias anteriores. Além disso, o piloto não continuará na disputa, por conta da lesão. “Infelizmente, o Rally dos Sertões 2021 acabou para mim hoje. Acertei uma pedra escondida nas areias, em um trecho de alta velocidade, que me arremessou da moto, do nada”, repercutiu, nas redes sociais, ainda no dia do incidente.


Desempenho nas etapas anteriores

Com o tema “Sertões 100% Sertão”, a edição deste ano é a primeira a contar com roteiro completamente situado no Nordeste brasileiro, percorrendo estradas de sete dos nove estados nordestinos: Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Bahia, Alagoas e Ceará.

Um dia antes do acidente, o piloto da equipe Yamaha IMS Rally Team revelou que o maior dos desafios do ano seria a quantidade de pedras que estava encontrando no início do rali. Por isso, vinha sendo cauteloso e aumentando o ritmo aos poucos, para evitar os erros. Mas foi justamente uma pedra que o tirou da prova. Na última terça (17), antes do acidente, ele estava em terceiro lugar na classificação geral. Agora, Ricardo se prepara para voltar para casa. 


Início emocionante

Antes mesmo de começar oficialmente, a 29ª edição da maior competição off road das Américas já foi marcante para a história do piloto palhocense. 

Isso porque, na abertura do evento, na largada promocional, Ricardo Martins receberia o número 1 para correr, o que é de praxe para os pilotos campeões na edição anterior. 

Contudo, em um gesto simbólico, Ricardo subiu ao palco e afirmou: “Vocês sabem muito bem o esforço que é estar com o número 1, você tem que ser campeão no ano anterior. E comigo não foi diferente, vocês sabem da minha luta, eu venho há alguns anos lutando por essa vitória. Mas eu acho que neste ano a gente tem que deixar o número 1 guardadinho com a gente, representando o nosso amigo Tunico”.

O gesto representa a consideração por Tunico Maciel, que foi bicampeão dos Sertões e duas vezes vencedor do Brasileiro de Rali Cross-Country. Ele era grande amigo de Ricardo, mas faleceu por conta de um grave acidente enquanto lutava pela vitória no Rally dos Sertões 2020. “A homenagem para o Tunico foi emocionante, muito legal, me fez lembrar um pouco dele”, repercutiu o palhocense, que foi o primeiro competidor a parar para socorrer o mineiro de 26 anos. "Teve toda essa condição para mim, que tive o título que sei ter merecido, por estar com a vantagem e ter tido muito trabalho, mas teve esse gosto amargo por eu ter perdido o meu amigo", completa Martins.

Assim, até o incidente na última quinta-feira, Ricardo correu guardando o número 1 e se identificando com o número 2.

* Sob a supervisão de Alexandre Bonfim

 

Quer participar do grupo de WhatsApp do Palhocense?

Clique no link de acesso!



Veja também:









Mais vistos

Publicidade

  • ea73bab336bac715f3185463fd7ccc14.jpg