Secretaria de Palhoça participa de evento regional

Encerramento do primeiro ciclo do projeto Gestores Escolares em Movimento aconteceu na quarta-feira (6)

060b715184ac504a73c7dce9572ad158.JPG Foto: IQUE IAHN/DIVULGAÇÃO

Em algumas regiões brasileiras, prefeituras, escolas e educadores encontraram um caminho para melhorar a educação: atuar em regime de colaboração por meio dos arranjos de desenvolvimento da educação (ADE). Na Grande Florianópolis, a união dos municípios tem feito a diferença na gestão escolar. Sem recurso para formações pontuais e isoladas em cada município, em 2019 foram realizados 36 encontros do projeto Gestores Escolares em Movimento (GEM), com cerca de 400 diretores de escolas e coordenadores de educação das redes municipais das 21 cidades que compõem o ADE GranFpolis, com apoio da Associação de Municípios da Grande Florianópolis e do Instituto Positivo. O encerramento do primeiro ciclo do projeto aconteceu na quarta-feira (6), com a presença de prefeitos, secretários municipais de Educação da região e participantes do projeto.

Para o prefeito de Nova Trento e presidente da Associação dos Municípios da GranFpolis, Gian Francesco Voltolini, o trabalho que está sendo feito é sério e louvável. “O ADE GranFpolis é um exemplo para o Brasil e está sendo replicado em outras associações de municípios catarinenses. Dentre os vários projetos do ADE, o Gestores Escolares em Movimento se destaca, pois a formação dos profissionais que atuam na área educacional é fundamental e juntos conseguimos mais êxito”, destaca.

Segundo a secretária de Educação de Palhoça, Shirley Nobre Scharf, quando iniciadas as discussões de ações para o ADE percebeu-se que os municípios tinham as mesmas dificuldades e por isso precisavam de soluções coletivas. “A partir do diagnóstico traçado definimos as metas, entre elas a capacitação dos gestores, pois tínhamos o hábito de direcionar as formações aos professores. Os encontros dos gestores vieram agregar valores à administração das escolas e também à secretarias de Educação. As formações são dentro do cotidiano da escola, o que realmente precisa de suporte para a gestão da escola”, destaca.

A interação entre os associados da GranFpolis permitiu a troca de experiência, a formação e muita interação entre os gestores escolares e coordenadores educacionais das redes municipais. As ações beneficiam mais de 64 mil estudantes da Educação Básica e colaboram com o trabalho de cerca de 5,7 mil professores. Plano político pedagógico (PPP), mediação de conflito no ambiente escolar, prática pedagógica e avaliação foram os temas trabalhados nos encontros deste ano.



Galeria de fotos: 2 fotos
Créditos: IQUE IAHN/DIVULGAÇÃO IQUE IAHN/DIVULGAÇÃO
Tags:
Veja também:









Mais vistos

Publicidade

  • Banner-310x260.gif