TransformAção - Edição 715

Foco e força!

Chegamos à reta final do Projeto TransformAção com Orildo Silveira. Semana que vem, será a última edição. Na terça-feira (12), fizemos uma reunião entre todos os profissionais envolvidos, com a presença do Orildo, para conversarmos sobre a autossabotagem, que ainda se faz presente. É algo supernormal, pois são anos e anos de maus hábitos e a nossa mente, a todo momento, quer nos sabotar para seguirmos o caminho que ela já conhece.

Esta semana, quem contará um pouquinho mais sobre a evolução do Orildo é o personal Thiago Zacchi, proprietário da academia Biofitt (@biofittacademia), onde o Orildo faz suas atividades físicas.

“Estamos entrando nas duas últimas semanas do projeto e entre os pontos de grande evolução do Orildo, destaco o quanto ele está se sentindo em casa na academia. A grande maioria das pessoas não tem o hábito de frequentar academia (não sabem o quanto uma atividade física previne e melhora a saúde e qualidade de vida). Com essa falta de hábito, veio também o fato de se sentir deslocado no ambiente do treinamento físico. Essa adaptação foi excelente e hoje ele já se sente em casa. Cito isso porque o maior desafio virá após o projeto - a continuidade das atividades ao longo da vida. Quando falamos em uma pessoa sedentária e com hábitos alimentares não saudáveis, que era o caso do Cabeção, precisamos iniciar os trabalhos pela mente do indivíduo. Por isso o sucesso do projeto TransformAção, pois temos o trabalho da coach e da parapsicóloga, ajudando a mudar a maneira de pensar e as barreiras do Orildo. Uma grande barreira é a autossabotagem - achamos desculpas para não treinar, do tipo: não tenho tempo. Você já calculou quanto tempo você perde nas redes sociais ou em frente à TV? Nos autossabotamos também na dieta: “segunda eu começo”. Mas por que não hoje? Se está deixando para segunda, é porque não quer iniciar e já vai iniciar com desculpas. Com o Orildo não é diferente. Ele ainda está em processo de mudança de hábito e isso não acontece da noite para o dia. Porém, não depende dos profissionais que irão te auxiliar - depende somente de você. Se você continuar fazendo tudo igual... o resultado será sempre o mesmo. Pense diferente, busque sua saúde, uma melhor qualidade de vida, procure por uma boa nutricionista, uma boa academia (lá você terá profissionais que estudaram para te dar o melhor suporte) e muito importante: procure alguém que mude sua maneira de pensar. Mude seus hábitos HOJE. Não deixe para amanhã, nem para segunda... e muito menos para o ano novo.”

Como o Thiago falou, sua saúde precisa de cuidados já. Pare de procrastinar, de se autossabotar. Inicie 2020 com novos hábitos.

 

Reduzindo as porções

Na última consulta, focamos no plano alimentar e nas quantidades consumidas pelo Orildo Silveira. Ao longo destas semanas, o Orildo melhorou a qualidade da alimentação, porém, ainda com dificuldade quanto às quantidades exageradas e desnecessárias. Por isso, o foco agora é seguir à risca as quantidades e os alimentos do plano alimentar, que foi elaborado para suprir as necessidades enérgicas de macronutrientes (carboidrato, proteína e gordura) e micronutrientes (vitaminas, minerais e fibras). O objetivo do plano alimentar é incentivar e organizar a alimentação de uma maneira que novos hábitos sejam criados. A ideia não foi complicar, mas sim facilitar a adesão ao cardápio e assim orientei ideias práticas e aplicáveis no dia a dia do Orildo.

@nutri_lucianacastanha

 

 

Você é protagonista da sua vida?

Na penúltima semana do Projeto TransformAção, estamos trabalhando bastante a autorresponsabilidade e o Orildo vem entendendo, a cada dia, que nós somos os únicos responsáveis pela nossa vida, pelas coisas darem ou não darem certas. Ninguém tem o poder de fazer por nós - só nós mesmos. Pessoas bem intencionadas, como nós do projeto, podem fazer o seu melhor, mas de nada adianta se ele não sair da zona de conforto e entrar em ação para colocar em prática o que tem aprendido. Mudar dói, requer que nós deixemos os bastidores da vida e entremos em cena. Muitas pessoas se vitimizam e culpam os outros: o marido ou a esposa que só convida para comer besteira; culpa o tempo; a situação financeira; a crise no país, a ansiedade....
Enquanto ficarmos no papel de vítimas, não teremos sucesso nem no emagrecimento nem em qualquer outra área das nossas vidas. Quando deixamos as desculpas de lado e passamos a agir, tudo começa a fluir. 

E você tem ficado nos bastidores ou você é o protagonista da sua vida... da sua história???

@graziprates_coach 

 

Podemos DESENVOLVER capacidades para mudar de vida

Nesta semana, na sessão de terapia com o Orildo, continuamos conversando sobre suas capacidades de mudar de vida. Nesse sentido, foram geradas reflexões sobre o desenvolvimento intelectual através do estudo, onde ele pode perceber que existem várias formas de adquirir conhecimento. É vital para a saúde mental e emocional que estejamos sempre ativos, nos desenvolvendo, aprendendo, nos transformando. A vida é um fluxo de energia e, quando paramos de nos movimentar, entramos em atrito com esse fluxo, podendo gerar em nós mesmos dificuldades na saúde física, mental e espiritual.

@marylicigoulart



Publicado em 14/11/2019 - por TransformAção

btn_google.png btn_twitter.png btn_facebook.png








Autor deste artigo


Mais vistos

Publicidade

  • ea73bab336bac715f3185463fd7ccc14.jpg