2bcce634871ed1468e7351608bbebb70.jpg Vacinação em SC: Estado distribui doses nesta terça para vacinar adolescentes contra a Covid-19

df6918034d4114166d85ee70d1d48414.jpg Cerca de 4 mil beneficiados do SC Mais Renda ainda não buscaram seus cartões

24ad3550b5edf4882c4dd519fdf7be25.jpeg SC Transplantes registra recuperação em número de doações de órgãos

dbcd3da33f56f29f2f6a7dcf20c532df.jpg Palhoça é a primeira cidade de SC a concluir o programa Salto em 2021

cea913637f9993044e2d593d2c8c58a5.jpeg Professor de Ecologia e Oceanologia aborda exploração de petróleo

5e23d8c4a62a022f340e9d6aa9d81f61.jpeg PBec Brasil completa 11 anos de história no futebol palhocense

e228afe0fbb6efb4982272fb3b076d56.jpeg Tocha se destaca em reestreia do Campeonato Paranaense de BMX

72f487649eea6e06499c8aad717c7939.jpg Rodada do Campeonato Palhocense de Juniores é cancelada por suspeita de Covid-19

fb7c595c0003a6d5a1d67ae4342a585b.jpeg Apostando em jovens talentos, Guarani encerra Série B em quinto lugar

5d4a40de45338ded326da1392547a49a.jpeg Paratleta de Palhoça é homenageada por participação em Tóquio


Doação de equipamentos marca início de projeto

Três novas Centrais de Penas Alternativas serão ativadas em SC, com doações do Ministério Público. Uma delas será em Palhoça

72721fa16a9b94560461f90a946ac5fb.jpeg Foto: DIVULGAÇÃO/SAP

A Secretaria de Administração Prisional e Socioeducativa (SAP) recebeu do Ministério Público de Santa Catarina (MP/SC) a doação de três veículos e 180 bens que serão usados na ativação de três novas Centrais de Penas Alternativas e Apoio ao Egresso nas Comarcas de Jaraguá do Sul, Lages e Palhoça - o Palavra Palhocense já antecipou aos leitores a informação sobre a instalação da central em Palhoça, clique aqui e saiba mais.

A entrega dos equipamentos, realizada nesta segunda-feira (17), faz parte do Termo de Cooperação Técnica 64/2020, que firma a parceria entre MP/SC, SAP e Poder Judiciário de Santa Catarina para a viabilização de medidas alternativas à prisão. Ao todo, são três carros Ford/Focus Sedan, ano 2012, além de computadores, impressoras multifuncionais, armários, mesas entre outros.

O secretário de Administração Prisional e Socioeducativa, Leandro Lima, destacou que o apoio do MP e do TJ/SC mantém e amplia o trabalho das centrais, que hoje estão em oito comarcas. E, com esses equipamentos, viabilizam o funcionamento de unidades em Palhoça, Lages e Jaraguá do Sul. “O cumprimento de pena alternativa e apoio ao egresso que deixou o sistema prisional contribuem na redução dos índices de reincidência”, comenta.

O secretário-adjunto da SAP, Edemir Alexandre Camargo Neto, enfatizou que o trabalho das centrais ganha um importante impulso com a doação dos equipamentos. “E todas as ações de apoio ao egresso sempre vão contribuir com a queda dos índices de reincidência”, pontuou.

A gerente de Penas Alternativas e Apoio ao Egresso da SAP, a agente penitenciária Renata de Souza, reforçou a importância da contribuição desse serviço para a sociedade: “A doação de bens por parte do MP vai fazer com as centrais possam ter uma estrutura adequada para atender as demandas e possibilitar que os profissionais executem suas rotinas de forma qualificada, entregando para sociedade um serviço de excelência”.

O secretário-geral do Ministério Público, Samuel Dal-Farra Naspolini, elogiou o trabalho das centrais e a parceria entre as instituições. “A entrega de veículos do MP, para que passem a equipar as centrais, registra mais um passo no processo de construção desse modelo e, acima de tudo, torna mais efetivo o acompanhamento da execução penal”, destacou.

O coordenador do Centro de Apoio Operacional Criminal e da Segurança Pública (CCR) do MP/SC, promotor de Justiça Jádel da Silva Júnior, afirmou que as doações significam um novo serviço à sociedade. “Esse projeto reúne o MP/SC, o TJ/SC, o GMF e a SAP, que são instituições preocupadas não só em qualificar o ingresso do apenado no sistema prisional, mas também dar um acompanhamento ao egresso que deixa o sistema”, assinalou o promotor.

 

Centrais de Penas e Medidas Alternativas (CPMAs)

As penas alternativas exercem uma função importante no sistema penal brasileiro, pois buscam a reabilitação social e mantêm o autor do crime em contato com sua família e inserido na comunidade.

Nesse contexto, as CPMAs, por meio de suas equipes técnicas multidisciplinares alocadas nos fóruns das comarcas, atendem aos réus encaminhados e auxiliam no cumprimento da aplicação de medida alternativa à prisão, sem gerar impunidade.

Além disso, impulsionam a criação e ampliação de vagas para a prestação de serviços comunitários por condenados cujas penas privativas de liberdade tenham sido substituídas por restritivas de direito.

Essa doação de bens para a instalação de novas CPMAs integra o projeto "Fiscalizando a Execução Penal e o Combate à Reincidência", englobado pelo programa Tutela Difusa da Segurança Pública. Tais iniciativas representam a consecução do objetivo número 4 do Planejamento Estratégico institucional - qualificar a atuação do Ministério Público no enfrentamento da criminalidade.

 

Quer participar do grupo de WhatsApp do Palhocense?
Clique no link de acesso!
 



Tags:
Veja também:









Mais vistos

Publicidade

  • ea73bab336bac715f3185463fd7ccc14.jpg