2bcce634871ed1468e7351608bbebb70.jpg Vacinação em SC: Estado distribui doses nesta terça para vacinar adolescentes contra a Covid-19

df6918034d4114166d85ee70d1d48414.jpg Cerca de 4 mil beneficiados do SC Mais Renda ainda não buscaram seus cartões

24ad3550b5edf4882c4dd519fdf7be25.jpeg SC Transplantes registra recuperação em número de doações de órgãos

dbcd3da33f56f29f2f6a7dcf20c532df.jpg Palhoça é a primeira cidade de SC a concluir o programa Salto em 2021

cea913637f9993044e2d593d2c8c58a5.jpeg Professor de Ecologia e Oceanologia aborda exploração de petróleo

5e23d8c4a62a022f340e9d6aa9d81f61.jpeg PBec Brasil completa 11 anos de história no futebol palhocense

e228afe0fbb6efb4982272fb3b076d56.jpeg Tocha se destaca em reestreia do Campeonato Paranaense de BMX

72f487649eea6e06499c8aad717c7939.jpg Rodada do Campeonato Palhocense de Juniores é cancelada por suspeita de Covid-19

fb7c595c0003a6d5a1d67ae4342a585b.jpeg Apostando em jovens talentos, Guarani encerra Série B em quinto lugar

5d4a40de45338ded326da1392547a49a.jpeg Paratleta de Palhoça é homenageada por participação em Tóquio


Regularização de ranchos de pesca na Barra

Mais de 300 pescadores de Palhoça já foram atendidos desde início do projeto

ebbd7a5f716cde82d5690b04b822c277.jpeg Foto: DIVULGAÇÃO

A Secretaria de Maricultura, Pesca e Agricultura de Palhoça recebeu pescadores e maricultores da Barra do Aririú para mais uma etapa do mutirão de regularização das estruturas dos ranchos e embarcações, na terça-feira (9). A convocação é feita pela Prefeitura, Capitania dos Portos/Marinha do Brasil e Secretaria Nacional de Pesca. Foi a oitava ação do projeto, que já ajudou mais de 300 pescadores a regularizar sua situação.

O movimento é importante devido à insegurança provocada nas comunidades litorâneas por conta da utilização das chamadas “terras de Marinha”. “Organizamos mutirões de regularização para orientar os pescadores sobre a regularização. Sabemos que o pescador usa o local e tem direito adquirido, mas precisa regularizar para continuar usando”, observa o prefeito Camilo Martins.

O secretário adjunto de Agricultura e Pesca, José Henrique dos Santos, lembra que muitos ranchos utilizados por pescadores há anos não estão cadastrados junto à Superintendência do Patrimônio da União (SPU). “O objetivo da regularização é promover o cadastramento das embarcações e ranchos de pesca e efetuar possíveis alterações cadastrais, atualizando as características reais”, afirmou. “Com este oitavo, passamos de 300 atendimentos. São mais de 300 pescadores que economizaram e que tiveram a facilidade de receber a Marinha na sua porta”, comemora Zé Henrique.



Tags:
Veja também:









Mais vistos

Publicidade

  • ea73bab336bac715f3185463fd7ccc14.jpg