f8cd4f6b92c2fc70f0e82ac7e1a42880.jpg Vacinação em SC: estado ultrapassa 5 milhões de pessoas com esquema vacinal completo

1069b9477a3a0d2f867498dc62b62e0e.jpeg Campanha quer melhorar autoestima de mulheres em situação de vulnerabilidade

5f9a9fdb32314194b4a64723f76fca64.jpeg Membros da comunidade se mobilizam para preservar vegetação na Pedra do Urubu

de47197475943f65b8890285981920fa.PNG Inspirada por Nelson Rodrigues, escritora de Palhoça lança livro de contos

c64875ae6408469efef36af9aa564775.jpeg ViaCatarina recebe mais uma edição da Feira do Artesanato

9570bba7c4646e5c724a73492d325f77.jpeg Produzido em Palhoça, EP de estreia de Yaju está disponível nas principais plataformas digitais

d6d50a1ca4d89a2580356c2c407d6130.jpeg Atletas da FMEC conquistam medalhas no Brasileiro de taekwondo

27e11cacd416c88131ac3f88f6e81065.jpg Copa do Mundo de Amadores contará com dois times de Palhoça

06dcb5028c047a5c6a4971990792762d.jpeg Halterofilismo: Rogério Anderle é campeão no Sul-Brasileiro 2021

b056d29d794b5e1bd70c65f106382a3b.jpg Governador Carlos Moisés abre a 60ª edição dos Jasc e destaca investimentos históricos no esporte

Procon notifica estacionamentos nas praias

Órgão quer avaliar se existe abuso em política de preços praticadas pelos donos dos estabelecimentos

686be9c289a131fdf0c50d7c603bf28e.jpg Foto: NORBERTO MACHADO

Texto: Isonyane Iris

Estacionar nas praias de Palhoça é um verdadeiro exercício de paciência para muitos motoristas. Como são poucas as vagas públicas oferecidas para estacionar, a solução é se sujeitar a pagar o preço, muitas vezes abusivo, para colocar o veículo em um estacionamento privado. A diferença no preço cobrado, que varia de acordo com a praia, entre R$ 15 a R$ 45, tem deixado muito motorista com vontade de voltar para casa.

Morador do bairro Rio Grande, Felipe Santos está de férias e aproveitando para visitar as praias do Sul de Palhoça com a família. Se sentindo explorado pelo preço cobrado nos estacionamentos privados próximos às praias, ele conta que mesmo de férias tem racionado os passeios. "Não somos ricos e nem turistas. Moramos aqui em Palhoça e só queremos aproveitar algo que é de graça: a praia. Queria ir todos os dias, mas se eu tiver que pagar estacionamento privado eu vou à falência", reclama o pai de família, que no dia 25 de dezembro chegou a pagar R$ 45 para estacionar seu carro na Guarda do Embaú. 

Segundo relatos de motoristas que visitaram as praias nas últimas semanas, os preços estão oscilando muito, conforme o dia. "Se tiver dia de sol e a praia estiver lotada, eles cobram muito mais caro do que o habitual; agora, se for num dia mais nublado e sem muito movimento, o preço chega a cair pela metade", conta Fernanda Pacheco, moradora do Aririú.

Na família da Maria Aparecida, o jeito foi comprar uma piscina inflável e se refrescar em casa mesmo para economizar com o valor do estacionamento privado. "Fomos três vezes à praia da Pinheira na última semana de dezembro de 2018 e desistimos. Me senti roubada, cada dia era R$ 35 de estacionamento. Agora comprei uma piscina inflável, que paguei R$ 200 e fico em casa durante a semana e vamos para praia só nos finais de semana", conta a dona de casa.

O Procon de Palhoça informou que através do setor de fiscalização está atuando nas praias do município com o intuito de saber o porquê da oscilação nos preços dos estacionamentos durante a temporada de verão. "Os estabelecimentos são obrigados a apresentar, além do alvará, a tabela de preços que irão praticar até o final da temporada. Por lei, não é permitida a oscilação de preços conforme o movimento. Todos os estabelecimentos terão o prazo de cinco dias para apresentar resposta à notificação", informou o Procon, destacando que incialmente foi feito um levantamento em virtude de algumas reclamações e denúncias.



Galeria de fotos: 4 fotos
Créditos: NORBERTO MACHADO NORBERTO MACHADO NORBERTO MACHADO NORBERTO MACHADO
Tags:
Veja também:









Mais vistos

Publicidade

  • ea73bab336bac715f3185463fd7ccc14.jpg