f8cd4f6b92c2fc70f0e82ac7e1a42880.jpg Vacinação em SC: estado ultrapassa 5 milhões de pessoas com esquema vacinal completo

1069b9477a3a0d2f867498dc62b62e0e.jpeg Campanha quer melhorar autoestima de mulheres em situação de vulnerabilidade

5f9a9fdb32314194b4a64723f76fca64.jpeg Membros da comunidade se mobilizam para preservar vegetação na Pedra do Urubu

de47197475943f65b8890285981920fa.PNG Inspirada por Nelson Rodrigues, escritora de Palhoça lança livro de contos

c64875ae6408469efef36af9aa564775.jpeg ViaCatarina recebe mais uma edição da Feira do Artesanato

9570bba7c4646e5c724a73492d325f77.jpeg Produzido em Palhoça, EP de estreia de Yaju está disponível nas principais plataformas digitais

d6d50a1ca4d89a2580356c2c407d6130.jpeg Atletas da FMEC conquistam medalhas no Brasileiro de taekwondo

27e11cacd416c88131ac3f88f6e81065.jpg Copa do Mundo de Amadores contará com dois times de Palhoça

06dcb5028c047a5c6a4971990792762d.jpeg Halterofilismo: Rogério Anderle é campeão no Sul-Brasileiro 2021

b056d29d794b5e1bd70c65f106382a3b.jpg Governador Carlos Moisés abre a 60ª edição dos Jasc e destaca investimentos históricos no esporte

Jiu-jitsu de Palhoça conquista medalhas em Caçador

Time masculino terminou na quarta colocação na estreia da modalidade, que ainda está em fase de apresentação nos Jogos

9671580b89aa3ad78cd41caa17c2a1a7.jpeg Foto: MARLE FOTOGRAFIAS/DIVULGAÇÃO/FCJJ

O jiu-jitsu foi o grande destaque da participação de Palhoça na fase estadual dos Jogos Abertos de Santa Catarina (SC), encerrados no domingo (16), em Caçador. Com três medalhas, a delegação palhocense conquistou o quarto lugar no masculino e o 12º lugar no feminino. Outras modalidades que representaram o município foram o triatlo e o handebol feminino, que conquistou uma expressiva quinta colocação na competição.

“Foi bem válida esta retomada à principal competição do estado e a ideia é cada vez mais ter mais atletas”, observa o presidente da Fundação Municipal de Esporte e Cultura (FMEC), José Virgilio Junior (Secco). Secco avalia que o grande destaque foi a participação do jiu-jitsu, que trouxe o ouro com Josimar Cardoso (Mazinho), na categoria médio; a prata, com Vinícius Lessa, na categoria pesado (ele ainda ficou com o bronze no absoluto); e o bronze, com Letícia Carvalho (meio-pesado).

O jiu-jitsu ainda é modalidade de apresentação nos Jasc e tem tudo para se consolidar entre os esportes disputados nos Jogos. Para a alegria do técnico palhocense Wagner Dias, coordenador técnico da Federação Catarinense de Jiu-Jitsu (FCJJ). “Um dia histórico no nosso esporte. Desde 2012 tentávamos incluir a modalidade nesse que sem dúvida é o maior evento esportivo do estado, e finalmente, este ano, depois de muita luta nossa, da FCJJ, conseguimos”, comemora Wagner, que capitaneou a equipe de Içara nos Jasc e também conquistou medalhas, tanto no masculino quanto no feminino. “Este ano, entrou como modalidade de exibição. Ainda teremos mais dois anos para fazer como se fosse um estágio probatório, para aí então entrar definitivamente como modalidade oficial. Mas segundo informações lá mesmo no evento, há rumores positivos da Fesporte (entidade estadual que organiza os Jasc) de voto favorável para ano que vem já entrar, uma vez que superou as expectativas, com um total de 57 municípios no masculino e 40 feminino”, reflete Wagner - no dia do evento, porém, por falta de apoio de algumas Prefeituras, disputaram a etapa estadual 40 municípios no masculino e 22 no feminino, passando de 300 atletas nos tatames.

Um desses atletas foi o medalha de prata Vinicius Lessa, de 20 anos. Ele tem 1m84 e 90kg, e compete na categoria pesado. Vinicius é de Alagoas, mas nos últimos meses tem morado e treinado no Madri, na filial Cícero Costha SC do Centro de Lutas Santos. Mesmo prejudicado por uma lesão no joelho direito, ele conseguiu trazer duas medalhas para Palhoça - por pouco não trouxe o ouro, já que a luta final do pesado terminou empatada e a decisão foi pela avaliação dos árbitros. “A lesão atrapalha, porque eu não tô treinando, não consigo treinar forte por causa desse joelho. Se eu treinar forte um dia, fico dois dias sem andar. Mas no campeonato estava bem, senti um pouco só”, destaca o faixa roxa, que logo depois dos Jasc partiu para São Paulo, onde disputou o Open da Federação Internacional e terminou em terceiro lugar - atualmente, é o 19º colocado da Confederação Brasileira na faixa roxa, categoria pesado. 

 



Galeria de fotos: 2 fotos
Créditos: MARLE FOTOGRAFIAS/DIVULGAÇÃO/FCJJ MARLE FOTOGRAFIAS/DIVULGAÇÃO/FCJJ
Tags:
Veja também:









Mais vistos

Publicidade

  • ea73bab336bac715f3185463fd7ccc14.jpg