Feriadão com atividades ao ar livre liberadas

Portaria do governo do estado estabelece orientações sanitárias para a prática. IMA mantém proibição para os parques estaduais

c86e9d1102c3c45d1b35d1b117692d54.jpg Foto: RICARDO WOLFFENBÜTTEL/SECOM

O governo de Santa Catarina permitiu, a partir desta semana, a prática individual de atividades físicas e esportivas em ambientes ao ar livre, como parques, praias, calçadões e ciclovias. Para que elas sejam exercidas com segurança, de modo a evitar o contágio do novo coronavírus, a Secretaria de Estado da Saúde (SES) também editou uma série de normas que devem ser observadas. A permissão e os cuidados necessários constam na Portaria SES nº 275/2020.

A primeira delas é o dever de evitar aglomeração de pessoas, com o distanciamento de pelo menos quatro metros entre um praticante e outro. O uso de máscara é obrigatório, exceto para atividades aquáticas. Ela deve ser trocada com frequência, já que durante atividades físicas as máscaras ficam úmidas em menos tempo.

No caso de utilização de academias ao ar livre, é preciso levar um recipiente com álcool 70% para higienizar o equipamento onde há contato com as mãos, antes e após o uso. As mãos também devem ser higienizadas sempre que possível. Também se aplicam as regras já conhecidas para prevenir o contágio, como não tocar na boca, nariz, olhos e seguir a etiqueta da tosse.

Treinos e jogos coletivos podem ocorrer ao ar livre desde que não sejam esportes de contato físico, como futebol. O limite é de quatro praticantes, observando o distanciamento mínimo de quatro metros entre eles e com uso de máscara.

Após chegar em casa, o praticante da atividade física deve retirar os sapatos na porta e higienizá-los antes de guardar. É importante separar um local da casa para guardar objetos como garrafa de água, chaves, bolsas, celular, óculos, equipamentos, entre outros. Eles devem ser desinfectados com álcool 70%. Deve-se evitar tocar as superfícies antes de higienizar as mãos. É recomendável tomar banho e usar roupas limpas logo após o fim da atividade física.

 

IMA mantém poibição no Parque Estadual da Serra do Tabuleiro

Apesar da liberação, as trilhas no Parque Estadual da Serra do Tabuleiro, como a do Morro do Cambirela, por exemplo, seguem proibidas. O Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA) reforça que todas as atividades e trilhas das unidades de conservação estaduais estão fechadas para o público.

Após incêndios recentes no Parque Estadual da Serra do Tabuleiro, tanto na região da Baixada do Maciambu quanto no topo do Morro do Cambirela causados pela mão humana, e do desaparecimento de três adolescentes nas trilhas do Tabuleiro, encontrados nesta terça (28), o IMA volta a enfatizar que todas as trilhas do Parque Estadual da Serra do Tabuleiro estão interditadas para garantir a segurança dos usuários e também a proteção do Parque, maior Unidade de Conservação Estadual.

O IMA solicita a compreensão de todos os usuários para evitar as trilhas, respeitando as normas restritivas de circulação devido ao contágio de coronavírus e para o cuidado com o parque que abriga e conserva grande parte da biodiversidade de Santa Catarina.

 

Quer participar do grupo do Palhocense no WhatsApp?
Clique no link de acesso!
 

 



Tags:
Veja também:









Mais vistos

Publicidade

  • ea73bab336bac715f3185463fd7ccc14.jpg