“Uma das minhas bandeiras preferidas é a educação”

Entrevista com o candidato a deputado estadual José Maria da Luz

32fd781edda4856b7e5c580bca3c590f.jpg Foto: DIVULGAÇÃO

O candidato a deputado estadual pelo partido Rede Jose Maria da Luz tem 63 anos. Nasceu em Urubici (SC), mas mora em Palhoça há cerca de 15 anos. Também morou em Lages (SC), onde foi suplente de vereador e chegou a assumir a Câmara de Vereadores por um período, e em Brasília, onde prestou o serviço militar, no 1º Regimento de Cavalaria de Guardas, e foi Guarda Presidencial. Casado, pai de cinco filhos, avô de quatro netas, José Luz hoje é corretor de imóveis, com curso superior tecnólogo em Gestão de Negócios Imobiliários e pós-graduação em Direito Imobiliário. Tem endereço profissional na Pedra Branca e reside no condomínio Terra Nova.

Jornal Palavra Palhocense - Qual a importância de Palhoça ter um representante na Alesc?
José Maria da Luz - Nosso município de Palhoça tem quase 100 mil eleitores, portanto tem capacidade de eleger de dois a três deputados estaduais, se assim a população entender. Sendo assim, teríamos uma representação  política muito forte. Sou um dos candidatos pelo partido Rede Sustentabilidade, que por ser um partido novo, através do voto de legenda, precisamos de apenas 10 mil votos para sermos o novo deputado eleito por Palhoça e região. 

JPP - Qual a principal bandeira que pretende defender da Alesc?
José - Dois itens que considerado de suma importância: educação e segurança.

JPP - Mesmo não sendo da atual sigla do Prefeito de Palhoça, como que se daria a relação da sua legislatura com a administração municipal?
José - Partidos tornaram-se monopolizados, e não trouxeram os benefícios que a população esperava. Os candidatos eleitos representam as ansiedades da população, independente da cor, credo ou da religião. Se seu projeto executivo for bom para a população, com certeza devo apoiá-lo.

JPP - Como tem sido a receptividade da sua candidatura junto ao eleitorado?
José - Por ser um candidato novo, mas com ideias inovadoras, por todos os lugares onde tenho passado tem sido gratificante a receptividade das pessoas.

JPP - A segurança pública tem sido um problema constante em Palhoça. Como deputado estadual, como pretende ajudar a combater a criminalidade? 
José - Apoio a ideia do sistema único de segurança pública. Também terão todo meu incentivo os conselhos comunitários de segurança, onde os governos federal, estadual e municipal unem-se com o objetivo de combater a criminalidade e o tráfico de drogas. A segurança dos cidadãos é um dever do Estado.

JPP - Há duas situações preocupantes em Palhoça ligadas diretamente a essa questão da segurança: as drogas e os moradores de rua. Como enfrentar esses problemas? 
José - Como eu falei anteriormente, apoiar, incentivar os conselhos comunitários de segurança, com a participação efetiva da população, com o objetivo de combater o tráfico de drogas. Moradores de rua são um problema social, estarei atento a essas necessidades de cada município. O sistema único de segurança tem que cada vez mais investir em tecnologia de segurança.

JPP - Palhoça não tem uma estrutura complexa na área de saúde, como um hospital. Como você poderia ajudar a mudar esta realidade, se eleito?
José - Palhoça triplicou a população nos últimos anos, por consequência, seus problemas também aumentaram. No entanto, a saúde da população tem que ser prioridade absoluta, melhoramento das UPAs (unidades de pronto atendimento) e atenção especial ao Samu. Defendo também o projeto de construção de um hospital municipal em Palhoça.
JPP - A educação é um dos grandes desafios para transformar o país em uma nação desenvolvida. Quais suas propostas para a educação?
José - Uma das minhas bandeiras preferidas é justamente a educação. Pretendo defender com muito trabalho e coragem a PEC 005.3.2017 (distribuição de bolsas para estudantes de Ensino Superior), pois esse projeto de lei está parado da Alesc. Existe um documento com mais de 50 mil assinaturas aguardando a aprovação da mesma. Será com certeza um bom combate. Além disso, defenderei a prioridade absoluta para a Educação Infantil de zero a seis anos. Defendo também maior investimento na educação profissional, para preparar os jovens visando às profissões do futuro. Precisa urgentemente revisar a forma dos conteúdos das matérias dadas das escolas.

JPP - Muito se tem falado no problema da corrupção na política brasileira e na “politicagem”, no uso da máquina pública como cabide de empregos para cabos eleitorais. Como enfrentar esse problema?
José - Corrupção na política, cabide de empregos, tudo isso tem levado a política ao caos. Não podemos mais aceitar tal situação, tudo isso se combate com leis mais rigorosas e também elegendo pessoas comprometidas com a causa de servir aos cidadãos.

JPP - O trânsito é um dos principais problemas de Palhoça e região hoje. Como parlamentar, como poderá ajudar a aliviar o problema do trânsito? Que propostas teria nesta área? 
José - Realmente, no nosso município o trânsito está muito complicado e um dos motivos do não investimento nessa área é justamente a falta de representatividade política. Palhoça tem agora a oportunidade de eleger mais de um candidato comprometido com a solução para a cidade. Defendo urgentemente o novo plano diretor para o município. Serei, na Alesc, a voz dos que clamam no trânsito diariamente. Investimento em transporte público urgente; o Contorno Viário, uma obra atrasada há mais de 10 anos, Palhoça não merece isso. Santa Catarina tem que ser mais respeitada.

 

As respostas foram encaminhadas por e-mail. O candidato José Luz não aceitou o convite para realizar a entrevista gravada diretamente na sede do jornal Palhocense, portanto, a entrevista não está disponível em vídeo.



Tags:
Veja também:









Mais vistos

Publicidade

  • d83a8831fba6952d386c6501dc64c0ab.jpg